Cafés e Bares

A Pensão Amor reabre no Cais do Sodré esta semana — esteve dois anos fechada

O icónico espaço lisboeta regressa com o mesmo conceito e uma programação mais regular. A decoração também foi refrescada.
O bar regressa ao Cais do Sodré.

Encerrada há dois anos, a Pensão Amor vai reabrir esta semana no Cais do Sodré, em Lisboa. Na quinta-feira, 14 de julho, o espaço volta a receber clientes no ambiente de cabaret que sempre o caracterizou, com várias novidades.

Durante a semana, o bar irá estar a funcionar apenas ao final da tarde. Pode passar por lá a partir das 19 horas, beber um cocktail e assistir a um espetáculo até de madrugada — de quinta a sábado recebe clientes até às quatro da manhã.

Estes dois anos de pausa serviram para reformular toda a decoração. Espere encontrar novos elementos mas todos dentro do mesmo conceito, com espelhos, poltronas de veludo, quadros e estatuetas espalhadas por todo o lado.

A programação de espetáculos será mais regular neste regresso da Pensão Amor. Peças de teatro, atuações de pole dance, burlesco e concertos foram alguns dos eventos que passaram pelas várias salas deste bar e estão de volta a partir desta quinta-feira. As várias iniciativas serão divulgadas nas redes sociais.

Para o próximo ano, estão previstas outras ideias para os pisos superiores, mas por enquanto nada mais é adiantado. Já na componente de bar, podem continuar a ser pedidos vários cockatils, desde propostas clássicas, às receitas de autor.

A entrada volta a fazer-se de duas formas: pela Rua Cor de Rosa, onde terá depois de subir uns quantos degraus, ou pela porta da Rua do Alecrim, que dá logo acesso a uma das salas.

O projeto abriu pela primeira vez em novembro de 2017. A MainSide, a empresa responsável pelo conceito, não esteve inativa durante os meses em que a Pensão Amor esteve encerrada. Também no Cais do Sodré abriram no final de 2021 o MEL, Museu Erótico de Lisboa.

Apesar do nome, é também um bar que inclui uma vertente gastronómica. Todas as propostas têm uma particularidade: têm de comidas apenas com as mãos, sem recurso a facas, garfos, colheres ou palitos.

As obras de arte nas paredes do MEL foram pintadas pelo artista plástico Diogo Muñoz e são inspiradas em fotografias de Jeff Koons e Cicciolina. O pé direito alto permite que estas obras tenham alguns metros. E há ainda espaço para duas cadeiras suspensas, onde acontecem os espetáculos surpresa.

Ao contrário da Pensão Amor, em que haverá uma programação mais regular, no MEL é difícil prever o que poderá encontrar.

Carregue na galeria para conhecer outros novos bares de Lisboa.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    R. do Alecrim 19, 1200-292 Lisboa
    1200-292  Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 19:00
  • Às: 03:00
  • Quinta a domigo até: 04:00
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Bar

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT