Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

cafés e bares

Depois do pão de Deus, A Padaria Portuguesa mostra como se faz o bolo rei

2020 foi o ano em que vários espaços divulgaram receitas icónicas para que os clientes as replicassem em casa.
Depois do pão de Deus, mais um bolo para experimentar.

Muitos foram o que ficaram colados nas páginas de Facebook e Instagram d’A Padaria Portuguesa em abril, quando a marca revelou a receita de um dos doces mais conhecidos: o pão de Deus. Nas semanas seguintes, voltou a presentear os seguidores com o modo de preparação de outras sugestões. Chegou a época natalícia e regressaram os presentes, desta vez com o bolo rei.

O Natal já passou, mas no início de janeiro, pelo menos até ao Dia de Reis, ninguém o pode condenar por comer uma fatia deste típico bolo. O chef d’A Padaria Portuguesa, Paulo Cardoso, gravou um vídeo no LAB da marca, na Avenida da República, em Lisboa, com todas as indicações para fazer um bolo perfeito.

Claro que pode mudar a receita para acrescentar outros doces e retirar as frutas cristalizadas se não gostar. O bolo vai estar disponível nas várias lojas da marca durante alguns dias, mas agora já o pode fazer em casa.

Do que precisa

330 gramas de açúcar

65 gramas de açúcar

10 gramas de fermento

65 gramas de margarina

10 gramas de sal

1 ovo

20 gramas de leite

60 gramas de água

raspa de 1 laranja

20 gramas de sumo de laranja

20 gramas de vinho do Porto

50 gramas de doce de gila

30 gramas de sultanas embebidas em vinho do Porto

frutos secos q.b, amêndoa, noz e avelã, por exemplo

145 gramas de fruta cristalizada

Como se faz

Coloque numa taça o açúcar, a raspa de laranja e misture. Adicione a farinha, a margarina e o sal. Envolva com as mãos. Junte o fermento. Depois junte os ingredientes líquidos. Comece pelo leite, depois a água, o ovo, o sumo de laranja e por fim o vinho do Porto. Misture novamente. Polvilhe a bancada com farinha e trabalhe a massa até que não agarre na bancada. Deve repousar por 90 minutos ou até duplicar o tamanho.

De seguida incorpore na massa o doce de gila, as sultanas e a fruta cristalizada. Por fim adicione os frutos secos. Volte à bancada e misture novamente a massa. Deixe repousar mais uns 15 minutos. Depois molde o bolo com um buraco ao centro.

Deve descansar mais uns 60 minutos antes de ir ao forno num ambiente quente. Pincele o bolo com ovo. Pré-aqueça o forno e decore com mais frutas cristalizadas, se gostar. O mesmo com os frutos secos. Polvilhe algumas partes com açúcar em pó. Leve o bolo a cozer durante 30 minutos a 170ºC. Assim que sair pode pincelar com geleia para ganhar brilho.

Carregue na galeria para conhecer outros bolos rei para quem não gosta de bolo rei.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT