Cafés e Bares

Fãs de pastrami: as sandes da especialidade são a estrela do novo bar de Lisboa

Três russos escolheram a capital para viver há um e ano e meio e decidiram retribuir a hospitalidade com um sítio só para fãs desta carne fumada.
O aspeto final.

Duas semanas. Este é o tempo necessário para fazer pastrami, a especialidade servida nas sandes do novo bar em Lisboa. “É preciso ter paciência”, conta à NiT Maxim Letunovskiy, de 35 anos. Depois de cortada, a carne tem de passar 12 dias em salmoura para a posteriormente ser esfregada com especiarias. A seguir é fumada e só após esse processo é que é cozinhada a baixa temperatura. Para o último passo são necessários mais dois dias. Pronta a carne, vem o passo mais fácil: colocá-la aos molhos no interior de uma sandes, com todos os outros ingredientes a que tem direito.

Quantas vezes já percorreu um menu de um restaurante ou bar e na altura de escolher uma tosta se deparou com pastrami? Não sendo um ingrediente muito comum na cozinha portuguesa, pode até ter sido induzido em erro e pensado que se trataria de um qualquer condimento secreto. Não é bem assim. “Trata-se de um fumado, normalmente cortado do peito do boi, por ser mais rica em colagénio e gordura. Após o corte é imersa numa solução salgada que serve para amaciar a carne e preservá-la.”

A melhor forma de provar esta iguaria judaica é nas sandes. Desde 18 de janeiro que em Lisboa há um local dedicado apenas a este prato. Fica na Rua de Poiais de São Bento e chama-se Let’s Pastrami — um claro convite aos portugueses que ainda o desconhecem, a prová-lo.

Maxim Letunovskiy, Irina Letunovskaya (32 anos) e Sergey Pushkin russos e amigos de longa data decidiram trazer o prato que já confecionavam há mais de dez anos para Portugal. Chegaram há cerca de um ano e meio, após a invasão da Rússia à Ucrânia, e encontraram em Lisboa o local ideal para dar continuidade ao negócio que tiveram em Moscovo durante nove anos.

“Quando tomámos a decisão de encontrar outro lugar para viver, a escolha foi óbvia. Tínhamos estado em Lisboa há nove anos e adorámos as vibrações da cidade. Como ainda não havia um restaurante exclusivo de pastrami percebemos que também poderíamos contribuir com algo positivo para os portugueses”, reconhece Maxim, chef de cozinha do espaço.

Mas não quiseram ficar-se pelo básico prato apenas de carte. “O objetivo é proporcionar às pessoas o sabor adequado de diferentes tipos desta preparação — carne de vaca, peru e salmão. Fizemos também uma versão vegetariana com couve-flor fumada”, adiantam. Além da proteína, podem ainda escolher entre o tipo de pão que preferem, brioche ou sourdough.

Para os clientes que visitam o espaço pela primeira vez, os proprietários recomendam a clássica Rueben (13€), uma combinação com pastrami de carne de vaca, molho de mil ilhas, chucrute e queijo. A Let’s (12€), que mereceu o nome da casa, leva a mesma proteína, mas combinada com natas azedas e molho de rábano com pickles doces e picantes. Quem estiver a cortar nos hidratos pode pedir o pastrami com legumes (12€) em conserva e molho porque não leva pão.

Sergey Pushkin está responsável pelo bar onde se destacam dois cocktails, a Bicicleta (9€) e o Bloody Mary (9€), que garantem ser “um dos melhores da cidade”. A cerveja também tem espaço nestas casa de sandes. Os russos optaram por produtos nacionais, mais precisamente pelas da marca Dois Corvos.

Até ao final do mês o espaço está a trabalhar apenas da parte da tarde, a partir das 17 horas, mas em maio querem alterá-lo para servir pastramis também à hora de almoço. O restaurante, que também funciona como bar, tem apenas 60 quadrados, feitos totalmente de raiz. Um dos grandes destaques da decoração são os bancos. “Parecem caixas transparentes, mas também funcionam como arrumação para malas e casacos”, dizem orgulhosos da ideia.

Carregue na galeria para conhecer as sandes de pastrami que pode escolher quando passar por São Bento.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    R. Poiais de São Bento 20
    1200-343 Lisboa
  • HORÁRIO
  • quinta e sexta das 17h às 22h
  • sábado e domingo das 12h às 22h
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT