Cafés e Bares

A Fragoleto regressa à Baixa de Lisboa com gelados vegan, artesanais e criativos

Depois de uma curta passagem por Alvalade, a marca volta à zona onde tudo começou. Antes do verão chegam novos sabores.
Os gelados podem mais uma vez ser pedidos na Baixa.

“Muitas pessoas conheciam a Fragoleto como a gelataria da Baixa. Voltámos à zona a que os clientes estavam mais habituados e onde éramos mais conhecidos”, explica à NiT Manuela Carabina, 56 anos, a responsável pela marca. A pandemia levou a que o projeto saísse da Rua da Prata. Depois de uma curta passagem por Alvalade, os sabores artesanais, biológicos e até vegan voltam a estar disponíveis onde tudo começou.

O regresso à Baixa fez-se numa loja ao lado do hotel Turim, não muito longe da original. “Estamos na Rua do Comércio, muito perto da Rua da Prata. A Fragoleto tem muitas ligações à Baixa, que fez parte do seu percurso e da sua evolução enquanto marca.”

O novo espaço foi inaugurado a 28 de abril. É mais pequeno do que o primeiro que a Fragoleto teve ali perto, mas esse foi mesmo o objetivo. “Apostámos mais numa loja com materiais sustentáveis e ecológicos e em manter a qualidade da marca do que em ter um espaço maior.”

No interior apenas consegue escolher os gelados em exposição na vitrine, na rua terá uma esplanada que deverá chegar nas próximas semanas. Continuam a servir em take-away e fazem entregas em casa através de um serviço de delivery próprio.

Utilizam caixas 100 por cento biodegradáveis, à base de milho. Na loja servem as bolas com colheres de madeira e não de plástico. Na decoração também utilizam vários materiais sustentáveis.

Todos os gelados são artesanais e existem opções sem açúcar, sem lactose, sem glúten e até vegans. São servidos em cones e copos que conseguem levar entre um a três sabores diferentes — custam desde 2,50€. Preparam também batidos, taças de bolacha artesanal e vendem os ice pop, os gelados de pauzinho artesanais.

Manuela promete novidades ainda antes do verão, já no final de maio. Por agora, a oferta mantém-se, com alguns dos clássicos da marca. “Continuamos com os nossos sabores emblemáticos e exclusivos, como o Alentejano, com leite de cabra e ameixas de Elvas. Outra das opções é o Algarve, com alfarroba, avelã, amêndoa e figo.”

Apesar do encerramento na Baixa numa fase mais complicada da pandemia, a marca nunca deixou de trabalhar. Além das entregas ao domicílio, abriram a loja em Alvalade durante um curto período. “Foi apenas durante o verão passado. Não fazia sentido ficarmos com dois espaços a funcionar. Prefiro ter a gelataria no sítio certo com aquilo que a marca é e onde os clientes estavam habituados a ir.”

Nestes 18 anos de atividade, já ganharam vários prémios. Um dos mais recentes foi em 2016, quando a Fragoleto foi considerada, juntamente com a La Copa, como um dos espaços em Portugal com os melhores gelados italianos.

O júri era composto pelos representantes da Camera di Commercio Italiana per il Portogallo, da Embaixada de Itália e do Instituto Italiano di Cultura e fizeram uma prova cega a três sabores de gelado: avelã, chocolate e pistácio.

Carregue na galeria para conhecer os espaços com croissants que abriram em Lisboa nos últimos meses.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua do Comércio, 15, Lisboa
    1100-321 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 12:00
  • Às: 20:00
PREÇO MÉDIO
Menos de 10€
TIPO DE COMIDA
Gelataria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT