Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

Cafés e Bares

Histórico Majestic Café no Porto fecha portas (e ainda não sabe quando vai reabrir)

Quebra acentuada no turismo levou à decisão. Encerramento é temporário — embora o Natal possa ser exceção.
Um espaço histórico.

Foi a 17 de dezembro de 1921, pela autoria do arquiteto João Queiroz, que o Majestic Café abriu na Rua de Santa Catarina, bem no centro do Porto. O espaço elegante tornou-se um atrativo para portuenses e quem visitava a cidade. Mas vai estar encerrado nos próximos tempos devido à pandemia.

“Não temos condições de ter uma casa como esta aberta…é uma situação muito triste”, confessou o administrador Filipe Barrias, citado pela “Rádio Renascença”. 

“O Majestic passou por muitas situações e contextos sociais adversos, nomeadamente a Segunda Guerra Mundial, mas não reza a história que possa ter passado por algo tão difícil que tenha tido de fechar as portas. Não há clientes e os hotéis não têm gente”, acrescentou.

Este encerramento temporário deverá prolongar-se por dois meses, estando no entanto em cima da mesa a possibilidade de reabrir por alguns dias na semana do Natal. Nesta fase os trabalhadores vão estar em regime de lay-off.

No espaço de um mês, a cidade do Porto perde dois cafés emblemáticos. O Guarany, situado na Avenida dos Aliados, já tinha fechado nesta fase de pandemia, como recorda a “SIC Notícias”.

Esta situação verifica-se numa altura em que o setor da restauração tem levado a cabo protestos, apelando a medidas de apoio mais fortes por parte do governo. Entre a quebra considerável no número de turistas e as medidas de restrição, o setor tem enfrentado sérias dificuldades nos meses mais recentes.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT