cafés e bares

New Cocktail Club: como Rafael Guia está a apoiar os bartenders em Portugal

Criou um movimento que tem juntado a comunidade dos bares com vídeos e receitas. Vão ainda ser lançadas mais iniciativas.
Foto de albertozi/Instagram.

Os bares e discotecas continuam encerrados e sem data prevista para abrir. Há um ano que foram obrigados a fechar e assim continuam. Com isso, foram vários os bartenders que deixaram de trabalhar, de fazer as criações com as bebidas, juntar bitters e agitar o shaker durante toda a noite. Ainda assim, há movimentos como o New Cocktail Club que querem dar um novo alento ao setor bastante afetado pela pandemia.

“A ideia do New Cocktail Club é de unir a indústria de bartending não só no Algarve mas também a nível nacional. Queremos dar voz e lugar a quem normalmente não a tem, e a quem já a tem de partilhar o seu conhecimento e ajudar a indústria a subir”, explica à NiT Rafael Guia, o responsável por esta iniciativa.

O projeto arrancou em janeiro deste ano com uma série de vídeos em que vários profissionais mostraram em vídeo algumas bebidas que todos podiam fazer em casa.

“Começámos a escolher bartenders por região do Algarve, pesquisámos bartenders de uma ponta a outra que poderiam ter interesse em participar e rapidamente chegamos aos 31”. O  “31 Dias 31 Bartenders 31 Cocktails” foi a primeira iniciativa lançada pela New Cocktail Club, sempre na página de Instagram.

“Sem dúvida que a nossa indústria tem sido das mais afetadas, possivelmente a mais. Muitos bartenders perderam trabalho, muitos donos de estabelecimentos não tiveram ajudas para continuar. Sendo que existe uma grande depressão em volta deste assunto acredito que este projeto tenha ajudado a malta ver o lado bom de nos reinventarmos e a distrair-se.”

As ideias de Rafael Guia não se esgotaram por aqui. “Fizemos também vários livestreams com conceitos animados e diferentes que não tocavam no assunto da pandemia, apenas risadas e boas histórias passadas. Chegaram a ter uma centena de visualizações em direto. Continuamos apenas com um livestream às sextas-feiras que se chama ‘Who Run The World’ que aborda o tema das mulheres nesta indústria.”

Outra das iniciativas passa por uma caixa mistério onde é pedido que seja preparada uma bebida em pouco tempo com os ingredientes que são disponibilizados. “É uma série de vídeos em modo mystery box onde damos às pessoas certos produtos de uma marca e os bartenders têm cinco minutos para criar algo.”

Tudo isto tem vindo a ser partilhado na página de Instagram do movimento, mas em breve terão um site com mais ideias. “Estamos também a lançar um website onde teremos roupa com design criativo relacionado com a área e alguns cocktails engarrafados.”

E mais iniciativas são sempre bem-vindas. “Damos lugar a todos os que queiram mostrar o seu trabalho na área, sendo este relacionado com cocktails, entrevistas ou até mesmo ter o seu show no canal do New Cocktail Club, nós estamos de braços abertos.”

A situação dos bares continua bastante incerta, mas Rafael Guia quer acreditar que é apenas uma fase. “É tudo muito imprevisível, mas temos de nos manter positivos e sobretudo criativos. Quando o jogo muda, as regras mudam.”

Rafael é natural de Faro, mas esteve alguns anos para aprender e trabalhar na área de bares e não só. Foi num bar em Vale do Lobo, no Algarve, que começou a gostar de preparar cocktails. Na altura fazia sobretudo mojitos e caipirinhas.

Tirou um curso de bartender em Londres, no Reino Unido, onde acabou também por ser formador. Outra das paixões que tem é por vídeo, daí que neste New Cocktail Club tentou juntar essas duas áreas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT