Cafés e Bares

Os leitores da NiT decidiram: esta é a melhor esplanada de Lisboa

Durante uma semana, 19 spots de sucesso da capital participaram numa votação online. No final, houve um grande vencedor.
Os leitores já decidiram.

Com a chegada do verão e dos dias mais longos, começam também as habituais romarias aos miradouros, rooftops, esplanadas ou jardins no final da tarde. No topo de uma colina ou ao pé do rio, qualquer pretexto serve para assistir ao pôr do sol enquanto petiscamos e bebemos um copo.

Entre restaurantes, cafés, tascas ou quiosques, as opções são tantas em Lisboa que até perdemos a conta. No entanto, alguém tinha de fazer a complicada escolha de decidir qual é a melhor esplanada da capital. Por isso, pedimos ajuda aos nossos leitores, que votaram, ao longo da última semana, entre uma seleção de 19 spots que têm feito sucesso na cidade.

Com 31,4 por cento dos votos, o grande vencedor foi o Anfíbio. Com uma diferença significativa, o pódio ficou ainda completo com o Catch Me e com o Black Pavilion, respetivamente, com 12,6 por cento e 11,2 por cento. Em último lugar ficaram, surpreendentemente, o Café Janis, o Memmo Alfama Terrace e o El Cabron (com exatamente o mesmo número de votos).

“As boas notícias chegaram à superfície. Ficamos muito felizes por este nosso Anfíbio plantado à beira-rio fazer as delícias dos amantes de esplanadas”, diz o porta-voz à NiT, depois de revelados os resultados.

E parece que a notícia não podia ter chegado em melhor altura. A pensar precisamente nos clientes que não perdem uma oportunidade para petiscar ao sol, o restaurante apresentou uma nova carta — disponível entre as 15 e as 18 horas — que inclui snacks e petiscos vindos diretamente dos quiosques by Anfíbio.

As ostras do Sado com chalotas em vinagre, limão e “Tabasco” caseiro (12€ três unidades, ou 20€ seis unidades) são a primeira das novidades. Mas a lista não termina por aqui.

Por ali vai também encontrar enchidos de porco preto alentejano (20€), rissol de camarão da Dona Rosa (3,5€), hummus de tremoço e puré de beringela (8,5€), peixinhos da horta com molho tártaro (8,5€) e mini hambúrgueres de carne maturada com queijo da ilha, maionese de alho e compota de cebola (15€). Como sobremesa, pode pedir a tarte de queijo Anfíbio (8€).

Todas as opções de comida são assinadas pelo famoso chef Miguel Rocha Vieira. Na parte das bebidas a história é outra. Catarina Campos e José Pedro Oliveira assinam a carta de bar de todos os espaços Anfíbio. Desta vez não foi exceção.

Dos vários cocktails “para todos os gostos”, os responsáveis destacam as receitas da casa, como o Golden Poison Frog (12€), que combina sorbet de ananás, espumante e flores; o Axolotl (14€); e o Phantasmal Poison Frog (12€).

José Pedro Oliveira, responsável de bar, não tem dúvidas: “A carta de bar Anfíbio satisfaz em todas as ocasiões. Dos aperitivos e digestivos aos cocktails mais salgados e intensos. Somos crowd pleasers.” 

“Junto ao rio, numa localização central da capital portuguesa, cria-se o ambiente ideal para os clientes poderem ficar para jantar de seguida, experimentar a ótima carta e ouvir boa música com DJ sets todas as quintas e sextas-feiras, assim como aos sábados”, acrescenta o porta-voz. 

Ao longo da Doca da Marinha estão, ainda, os três Quiosques batizados pelas obras do Artista Julião Sarmento – os Anfíbios Vermelho, Amarelo e Azul. É numa das pontas da doca — do lado do Terreiro do Paço – que se encontra o restaurante. 

Aproveite para ler o artigo e descobrir mais sobre o projeto que está “a dar cabo” do chef Miguel Rocha Vieira. A seguir, carregue na galeria para conhecer o restaurante Anfíbio, aberto desde 24 de abril, na Doca da Marinha, em Lisboa.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT