gourmet e vinhos

Os novos negócios que a pandemia criou e que entregam peixe fresco em casa toda a semana

Basta encomendar, escolher o dia que pretende, pesquisar umas receitas e preparar belas sugestões no forno ou na grelha.
Há muito para escolher e sem sair de casa.

A Fat Tuna existe desde 2016, mas teve de se adaptar devido à pandemia. A empresa está sediada em Rabo de Peixe, nos Açores, fornecia essencialmente restaurantes e a hotelaria, tanto nacional como no estrangeiro. Com os espaços encerrados e menos procura, teve de se virar para o público em geral, tudo para conseguir continuar a trabalhar.

Este é dos novos negócios que ficou disponível em Portugal nos últimos meses dedicado à entrega de peixe fresco. Só tem de fazer a encomenda que lhe entregam quando desejar. Em muitos dos casos já vem arranjado e é só assar ou meter na grelha.

No caso da Fat Tuna, o atum é das sugestões mais pedidas, claro. Têm quatro variedades deste peixe disponível e não é o único. Abrótea, boca negra, cherne, lírio, pargo, peixe porco, raia, salmonete, lula ou polvo também fazem parte das sugestões que pode encomendar.

Já a Sem Escamas é outra das novidades. Ao contrário da Fat Tuna, que chega a Lisboa e ao Porto, a Sem Escamas apenas está disponível em Lisboa. Aos domingos e segundas o serviço não funciona e tudo se deve à oferta que está disponível nos mercados.

É aqui que os responsáveis pelo projeto se abastecem sempre de manhã, depois de ter feito o pedido até à noite anterior. São as sugestões mais frescas possíveis aquelas que fazem chegar a casa dos clientes.

Há ovas de pescada, dourada, polvo, lombinhos de salmão, linguado, lulas, peixe espada preto, tamboril, salmão à posta, pregado, raia, chocos ou bife de atum.

Carregue na galeria para conhecer melhor estes e outros projetos com entrega de peixe fresco.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT