Gourmet e Vinhos

Auchan vai oferecer 25 dias de férias aos trabalhadores em 2023

A medida visa promover o bem-estar e a experiência positiva dos cerca de 8500 mil colaboradores que operam nas lojas do grupo.
Não é a primeira vez que o grupo apresenta a medida.

A partir do próximo ano, a Auchan vai garantir que os seus trabalhadores têm direito a 25 dias de férias anuais. O aumento, que corresponde a mais três dias do que o período mínimo imposto por lei, pretende melhorar a experiência dos colaboradores do grupo francês.

A notícia foi avançada por Clara Costa, diretora de recursos humanos da Auchan Retail, ao “Eco”. “Vamos passar para 25 dias de férias, já a aplicar em 2023. Este é também o caminho”, explicou a responsável,

Não é a primeira vez que a companhia toma esta iniciativa. Antes da pandemia, a Auchan já tinha oferecido mais dois dias de férias aos seus trabalhadores e chegaram à conclusão de que a medida foi muito apreciada. E Clara Costa reforça: “O tempo para estar com a família, o tempo de descanso, é algo que valorizamos e que a equipa também reconhece esse valor”.

Atualmente, os recursos humanos do Auchan incluem cerca de 8500 funcionários. Deste grupo, a percentagem de pessoas que operam nas lojas corresponde a 90 por cento e, por isso, a retalhista reconhece que é necessário ter em atenção as necessidades de todos os trabalhadores.

Em maio deste ano, os funcionários de que se dividem pelos hipers, supers, lojas de ultraproximidade, gasolineiras, serviços de apoio e plataformas logísticas do retalhista alimentar, receberam cerca de dois salários em prémios. Ao todo, o grupo distribuiu 16 milhões de euros.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT