Gourmet e Vinhos

Durante dois dias tem mais de 200 vinhos para experimentar em Évora

A sétima edição do Évora Wine reúne 40 produtores na Praça do Giraldo. Há showcookings e concertos na programação.
A entrada é livre.

Esta quinta-feira, 26 de maio, arranca a sétima e “maior” edição do Évora Wine. O evento, responsável por celebrar o que o Alentejo tem de melhor para oferecer, dos vinhos à gastronomia e da cultura ao turismo, acontece na Praça do Giraldo. Até dia 28, quem por lá passar encontrará mais de 200 referências de 40 produtores disponíveis para prova, detalham em comunicado.

Apesar da “Andanças do vinho e do petisco” (dia 26, às 17 horas), uma espécie de pré-convívio desta grande festa, que regressa após dois anos de pausa devido à pandemia de Covid-19, já estar esgotada tem muitas outras coisas com as quais se entreter. Showcookings, concertos, apresentações de livros e filmes são outras opções.

No dia 27, por exemplo, conte com uma palestra sobre sustentabilidade, “uma vez que o Alentejo foi a primeira região vitivinícola nacional a lançar, em 2015, um programa de sustentabilidade e a única a atribuir o único selo de produção sustentável do País, já em 2020”. A conferência, a cargo de Francisco Mateus, presidente da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA), terá lugar na Fundação Eugénio de Almeida, às 15h30.

Às 16 horas, no fórum da instituição (Páteo de S. Miguel, apartado 2001), ocorre a apresentação oficial do filme biográfico “Terroir — o Alentejo, as suas castas e o homem que pensou os vinhos”, que se debruça sobre o engenheiro Colaço do Rosário, “uma das principais personalidades da enologia portuguesa, considerado o pai dos vinhos do Alentejo”. Uma outra sessão está marcada para o dia 28, no mesmo horário, mas no Auditório Grande do Colégio Espírito Santo da Universidade de Évora (Rua do Cardeal Rei, 6).

Às 18 horas, a iniciativa segue para a Praça do Giraldo, onde terá início, oficialmente, a 7.ª edição do festival. Após a abertura de portas, até 25 participantes vão poder participar num showcooking promovido pela Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre, que dará a conhecer os sabores da região. Arranca às 19h30. Para dia 28, à mesma hora, está programada mais uma uma demonstração.

Os Almocreve, um grupo de Cante Alentejano — arte que foi reconhecida pela UNESCO, em 2014, como Património Cultural Imaterial da Humanidade —; a banda Dose Dupla e o jazz de Rodrigo Lino marcam a noite de dia 27. Na seguinte, a música é proporcionada pelo Grupo Sevilhanas.

Todas estas atividades são gratuitas e não necessitam de inscrição, mas estão limitadas à capacidade dos espaços onde decorrem, pelo que é boa ideia ser dos primeiros a chegar, caso não queira ficar de fora.

Para as provas de vinho, os visitantes necessitam apenas de adquirir o kit de prova (copo + saco), que tem o custo de 9€ para um dia e de 15€ para os dois. Caso só pretendam frequentar a praça e assistir aos concertos ou showcookings não têm de pagar qualquer entrada.

No dia 28, há também um outro evento vínico que não deve perder. Falamos do Enóphilo Wine Fest, que se estreia em Braga, onde vai celebrar o 5.º aniversário, com mais de 200 referências para experimentar. Estas chegam à cidade minhota pelas mãos de 30 produtores de pequena e média dimensão das principais regiões vitivinícolas do País.

Carregue na galeria para descobrir alguns dos melhores vinhos portugueses — todos por menos de 10€.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT