gourmet e vinhos

Há uma nova loja online que vende conservas portuguesas para todo o mundo

A Miss Can criou um site e passou a vender as latas para qualquer destino. Tem em formato individual, packs ou até subscrição.
Do Portugal para o mundo.

Em 2013, chegaram ao mercado nacional as conservas da Miss Can. Com um design apelativo tornaram-se um produto obrigatório em lojas gourmet e também nas mãos de turistas que visitavam o Castelo de São Jorge, já que tinham aí estacionada uma Piaggio com a venda das várias latas. Três anos depois, a marca abriu uma petiscaria com várias sugestões à volta do seu produto. A pandemia veio desacelerar um pouco todo o projeto, mas não a vontade de o continuar a fazer crescer.

No passado mês de abril, a Miss Can abriu-se ao mundo com uma loja online que faz entregas de conservas em vários países. Esta novidade trouxe também uma imagem renovada às latas. Estar no meio digital já era um objetivo da marca, mas a pandemia fez com que o projeto fosse mais rápido.

Os nomes dos packs também foram alterados e são cinco os que pode encomendar através do site. A base de quatro deles conta com a mesma proteína: sardinha, filetes de cavala e de atum. O que muda é o tempero em que são conservados.

Tem o Sofisticated, com azeite; o Tomarvelous, com molho de tomate; o Pickelicious, em azeite picante com picles; e o Spice Girl, com todos os peixes servidos em azeite picante. O quinto pack é dedicado ao bacalhau, o Condess. Chega numa lata de bacalhau com azeite e alho, outra com azeite e grão de bico e outra apenas em azeite. Estes packs custam a partir de 11€.

Há sempre a hipótese de as encomendar em formato individual, desde 4€, mas também em subscrição em que todos os meses recebe quatro, seis ou nove latas em casa. Custa entre 12€ e 30€ e é o que chamam de Canmunity.

O negócio das conservas começou em 2013 quando Tiago Ribeiro se juntou com a irmã gémea, Bárbara Cabral, e uma amiga de ambos, Marta Fernandes. Os irmãos já tinham uma empresa de design. A ideia de lançar o novo projeto surgiu quando perceberam que o negócio nesta área não estava a avançar com o volume que pretendiam. E assim nasceu a Miss Can.

O projeto chegou a vencer vários prémios tanto em Portugal como no estrangeiro. Foi o caso do Prémio Nacional de Indústrias Criativas, em 2015, e o Arla Food Innovation Challange quando representaram Portugal na Creative Business Cup de 2015, em Copenhaga

A petiscaria da marca, inaugurada em 2016, fica no Largo do Contador Mor, junto ao Castelo de São Jorge. O espaço é pequeno e a ementa junta vários pratos que são possíveis de fazer com as conservas da marca.

Tem desde as sugestões com salada à algarvia, de feijão frade ou com salada de batata. Também as pode pedir com uma cesta de pão, azeitonas e tremoços ou queijo fresco. Não faltam bebidas e sobremesas, como a mousse de chocolate ou o leite creme queimado.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT