gourmet e vinhos

As lojas da Makro voltam a estar abertas para todos os clientes

A medida já se tinha verificado no primeiro confinamento. Os 10 espaços da marca passam a funcionar para o público em geral.
As lojas voltam a esta abertas para todos.

Tal como no primeiro confinamento em 2020, provocado pela pandemia da Covid-19, as lojas da Makro em Portugal vão passar, mais uma vez, a receber todo os clientes. Os espaços voltam a deixar de ser um exclusivo do comércio grossista. A medida é aplicada em todos os espaços da marca no País, pelo menos até 30 janeiro, data do fim do estado de emergência que entrou em vigor esta sexta-feira, 15 de janeiro.

“Tendo em conta o estado de emergência nacional em que Portugal se encontra em consequência da evolução dos casos de Covid-19, mais uma vez, de forma excecional, enquanto grossistas e numa situação de apoio à sociedade, voltamos a colocar as nossas lojas de grandes dimensões à disposição de todos”, explica David Antunes, CEO da Makro Portugal.

É sob o mote “Por uma causa maior uma casa maior” que as 10 lojas do País, em Braga, Vila Nova de Gaia, Matosinhos, Coimbra, Leiria, Alfragide, Cascais, Palmela, Faro e Albufeira, voltam a poder vender diretamente ao consumidor final.

“Reiteramos o nosso apoio a todos os profissionais de hotelaria, restauração e negócios próprios que continuam a ser muito impactados por toda esta situação. Em conjunto, estamos com o setor e tudo faremos para que o impacto no mesmo seja minimizado ao máximo”, continua.

É possível fazer um cartão temporário na receção logo à entrada. Já os clientes profissionais terão acesso a caixas exclusivas em todas as lojas.

A marca tem ainda um conjunto de serviços que foram criados nos últimos meses para evitar os efeitos da pandemia. É o caso do take-away e delivery gratuito a vários negócios, o serviço de delivery pela MShop ou ainda a parceria com a loja online 360hyper.pt.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT