gourmet e vinhos

As novas garrafeiras de Lisboa para comprar (e beber) dezenas de vinhos

Temos sugestões de lojas e espaços de degustação com copos e vários petiscos para acompanhar.
A Garrafeira Imperial abriu no Príncipe Real.

Móveis, mesas, cadeiras, armários e quadros. Durante muito tempo era este o cenário que encontrava no interior do número 44 da Rua D. Pedro V, no Príncipe Real, em Lisboa. Em poucos meses, a grande maioria dessas obras saiu para entrarem prateleiras e milhares de garrafas de vinho. O antigo antiquário passou a ser uma garrafeira com direito a um cofre refrigerado para relíquias.

Chama-se Garrafeira Imperial. A marca existe há cinco anos em Lisboa. Teve uma loja na Rua do Alecrim, entre o Cais do Sodré e o Chiado. Este ano mudou de localização para um espaço maior. As referências estão separadas por regiões vitivinícolas, por anos e pela indicação do preço. Existem ainda áreas dedicadas aos rosés, vinhos internacionais e bebidas espirituosas. E até uma secção para vinhos biológicos.

Esta é apenas uma das garrafeiras que abriram em Lisboa nos últimos meses. Na sua maioria são espaços onde é possível comprar garrafas de vários estilos e regiões. Noutros casos junta-se ainda uma componente de degustação. Os vinhos são servidos a copos e acompanhados com tábuas de queijos e enchidos.

A 111 Vinhos é um desses casos. O projeto já contava com lojas perto do Marquês de Pombal e em Cascais. No final do verão chegou mais uma a Lisboa, na zona do Chiado. Funciona como garrafeira e espaço de restauração com vários petiscos.

Se costuma passar por Campo de Ourique, já deve ter reparado que há um novo spot para encher a despensa de vinho. A Garrafeira dos Amigos foi inaugurada por três sócios e grandes fãs da bebida.

Carregue na galeria para conhecer melhor estas e outras novas garrafeiras de Lisboa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT