Gourmet e Vinhos

O bacalhau sem natas que agrada a todos (sim, até os mais esquisitinhos)

A receita do chef Jamon é uma aposta segura. Não exige horas de preparação e é perfeita para servir em jantares de amigos.
Experimente fazer esta receita.

Receber os amigos e familiares em casa para um jantar pode ser um verdadeiro desafio. Queremos sempre impressionar e mostrar dotes culinários (que por vezes não existem) e a verdade é que o resultado pode ser desastroso. Para que isso não aconteça, a melhor estratégia é optar por receitas surpreendentes — e que, ao mesmo tempo, não precisem de começar a ser preparadas com três dias de antecedência. Quanto mais simples, menor a probabilidade de errar. 

O chef Jamon partilha da mesma opinião e, como tal, mostra várias sugestões que deixam qualquer com vontade de provar (mesmo que tenha acabado de almoçar). Esta alternativa ao tradicional bacalhau com natas (substituídas, neste caso, por um molho béchamel caseiro e mais saudável), é uma das suas propostas mais famosas. É uma receita mais equilibrada, mas nem por isso menos saborosa. E uma grande vantagem: agradar aos fãs este prato típico que não querem dar cabo da dieta ou apenas àqueles que não gostam de opções difíceis de digerir.

Do que precisa

— 2 postas de bacalhau
— 3 folhas de louro
— 3 dentes de alho
— leite meio-gordo
— azeite
— 4 batatas grandes
— sal
— paprika (colorau)
— 30 gramas de manteiga
— 30 gramas de farinha
— sal
— alho em pó
— noz-moscada
— 1 cebola média
— queijo mozzarella q.b.

Como se faz

Comece por preparar o bacalhau: coloque as postas numa panela com três folhas de louro e dois dentes de alho. Junte leite até ficarem cobertas. Coloque a panela ao lume e quando o leite começar a ferver, desligue o fogo. Tape a panela e deixe o bacalhau escalfar durante 15 minutos. Após esse tempo, retire as postas para um prato e deixe arrefecer. Coe o leite, lasque o bacalhau e descarte peles e espinhas.

Descasque e corte as batatas em cubos. Coloque-as no cesto da air fryer e tempere com azeite, sal, alho em pó e paprika. Misture bem e asse a 200 graus, mais ou menos por 15 a 20 minutos. Mexa ocasionalmente para ter a certeza de que ganham cor uniformemente.

Para preparar o molho béchamel comece por derreter a manteiga numa panela. Quando começar a borbulhar, junte a farinha e mexa durante um minuto com uma colher de pau. Depois troque a colher por uma vara de arames e junte o leite que coou, aos poucos enquanto mexe. Quando estiver cremoso, tempere com sal, alho em pó e noz-moscada.

Finalmente faça um refogado com azeite, cebola cortada e um dente de alho. Quando a cebola estiver mole, junte as lascas de bacalhau e a batata assada. Mexa bem até estar tudo incorporado e homogéneo. A seguir, junte cerca de dois terços do molho branco até que fique cremoso. Transfira o bacalhau para uma travessa e cubra o topo com o resto do molho branco. Opcionalmente pode colocar queijo mozzarella.

Leia também a entrevista do chef Jamon à que a NiT e fique a conhecer melhor Tiago Amorim (o seu nome de batismo), que avalia produtos de supermercado sem papas na língua.

Carregue na galeria e descubra outras três receitas deliciosas e saudáveis de bacalhau.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT