Gourmet e Vinhos

O histórico Alvarinho com nome de uma heroína minhota está a menos de 6€ no Auchan

A referência celebra a mulher que, durante os conflitos com Castela, ajudou a pôr fim ao cerco a Monção. A promoção acaba hoje.
Fotografia: Zan no Unsplash.

Um bom vinho sabe sempre bem, mas um vinho com história consegue saber ainda melhor, sobretudo quando está em promoção. É o caso deste Alvarinho Deu la Deu que, até ao final desta quarta-feira, 17 de agosto, está com 17 por cento de desconto no Auchan, pelo que em vez dos habituais 6,99€, paga 5,79€.

O rótulo é nada mais que uma homenagem a Deu-la-Deu Martins, esposa de Vasco Gomes de Abreu, capitão-mor de Monção, descrita pelo município como uma “heroína local”, pelo que até se encontra no brasão de armas da vila e tem uma capela em sua memória na Igreja Matriz.

A lenda começou a construir-se quando o marido precisou de se ausentar, em serviço do rei de Portugal, numa altura em que o País estava em guerra com Castela. Aproveitando a ocasião, o inimigo decidiu fazer cerco a Monção, que resistiu como pode ainda que com poucos homens válidos e alimentos escassos.

Foi então que Deu-la-Deu “assumiu o comando da praça e, durante o tempo que durou o cerco, dirigiu os seus homens, lutou a seu lado nos momentos de maior perigo, encorajou os vacilantes e desesperados, assistiu os feridos. Desmultiplicou-se, sem um momento de desânimo, sem uma vacilação”.

Com o aumentar da precariedade das condições, apostou tudo na ideia que mudaria o desfecho do conflito. Para espanto dos conterrâneos, “mandou recolher a pouca farinha que ainda existia na vila e com ela fazer os últimos pães”. Em seguida, subiu com eles à muralha e ofereceu-os aos opositores.

“A vós, que não podendo conquistar-nos pela força das armas, nos haveis querido render pela fome, nós, mais humanos e porque, graças a Deus, nos achamos bem providos, vendo que não estais fartos, vos enviamos esse socorro e vos daremos mais, se pedirdes”, terá dito.

Ao ver o esbanjamento do pão, o inimigo, também ele com bastante fome, acreditou na fartura dos sitiados e levantou o cerco. Deu-la-Deu gravou assim, de forma indelével, o seu nome na história da cidade. Conseguiu também um vinho em sua homenagem, com o qual pode celebrar à volta da mesa, com amigos e um bom prato de marisco ou de peixe grelhado.

Carregue na galeria e descubra outros cinco vinhos nacionais, a preços simpáticos, que vai querer ter lá em casa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT