Gourmet e Vinhos

O novo selo da Too Good To Go vai lutar contra o desperdício alimentar

A iniciativa “Observar, Cheirar, Provar” quer ajudar os portugueses a distinguir as diferenças entre as datas de validade dos produtos.
Reparou neste pacote de leite gigante?

As validades impressas nas embalagens dos produtos alimentares variam bastante e nem sempre percebemos bem o que querem dizer. Certamente já reparou que, por vezes, encontra expressões como “consumir até”, “consumir de preferência antes de” ou ainda “consumir de preferência antes do fim de”. Porém, a questão mais importante é esta: acha que sabe mesmo distingui-las?

10% de todo o desperdício alimentar na União Europeia vem da falta de conhecimento dos diferentes prazos de validade. O problema é que apesar desta percentagem lhe parecer pouco, corresponde a aproximadamente 9 milhões de toneladas de alimentos desperdiçados por ano – tudo por causa das nossas dúvidas.

Assim, saber as diferenças de cada uma das designações de validade pode ajudar, e muito, no combate ao desperdício alimentar. E isso traz benefícios não só à sua pegada ecológica, mas também à sua carteira. Empenhada em criar soluções e não apenas em alertar para um problema, a Too Good To Go decidiu apostar numa iniciativa inovadora que pode mudar o nosso futuro e a forma como cuidamos dele. 

Esta quarta-feira, 21 de abril, a marca lançou a iniciativa “Observar, Cheirar, Provar”, um projeto de sensibilização que pretende ajudar os portugueses a interpretar e distinguir as principais diferenças entre as datas de validade dos produtos alimentares. Ao mesmo tempo, possibilita também às marcas a oportunidade de terem um papel mais ativo e presente neste processo de educação contra o desperdício alimentar. Como? Vamos explicar.

A campanha oficial, com o mote “Faz Sentido Usar os Sentidos” foi agora desvendada, depois de termos alertado os leitores da NiT para o pacote de leite gigante que estava na rua, junto às Amoreiras. Esta traduz-se na criação de um novo selo que alerta para o impacto negativo da falta de conhecimento e má interpretação dos prazos de validade nos rótulos. Este selo já conta com 14 marcas envolvidas nesta fase de arranque, que passarão a colocá-lo nos rótulos dos seus produtos alimentares com data de durabilidade mínima.

Porém, a Too Good To Go convida mais marcas a mostrarem a sua intenção e vontade em ter um papel mais ativo nesta problemática. Todas as que estejam interessadas em mudar e contribuir para um futuro sustentável só precisam de contactar a Too Good To Go para adicionar o novo selo com a mensagem “Antes de deitar fora — Observar, Cheirar, Provar” aos rótulos com data de durabilidade mínima dos seus produtos. Simples assim.

O novo rótulo.

Em que consiste “Observar, Cheirar, Provar”?

O novo selo da Too Good To Go é bastante lógico – chama a atenção para os nossos instintos diários, que nos permitem perceber o que se passa à nossa volta. Assim, antes de desperdiçar um alimento com rótulo de data de durabilidade mínima (“Consumir de preferência antes de” ou “Consumir de preferência antes do fim de”) e caso o produto tenha sido conservado corretamente, pode e deve observar, cheirar e provar. 

Primeiro, observe o produto e verifique se tem bom aspeto. Depois, cheire e comprove se mantém o odor habitual. Por fim, prove e veja se não existe qualquer alteração no sabor. Se o alimento passar nestes três testes simples, significa que este mantém a sua segurança alimentar e pode ser consumido. Mas atenção: este teste dos sentidos não deve ser aplicado em produtos com data de consumo limite (“Consumir até”). Por isso, este novo selo não será adicionado a este tipo de alimentos.

Entre as marcas nacionais já envolvidas estão Diese, Branca de Neve, Saborosa, GoGo SqueeZ, Montiqueijo, Quinta dos Jugais, El Mandarin ou Hellmanns. Todas vão adicionar a alguns dos seus produtos com data de durabilidade mínima este novo selo desenvolvido pela Too Good To Go, que recorda ao consumidor, que antes de deitar fora o produto este deve, colocar em prática os seus sentidos. Poderá começar a ver estes produtos com o novo selo entre abril de 2021 e janeiro de 2022.

A iniciativa “Observar, Cheirar, Provar” já cria um impacto positivo em Inglaterra, Suíça, Alemanha, França e Áustria. Será aplicada em todos os países onde a Too Good To Go opera nos próximos tempos. É no site observarcheirarprovar.pt que vai poder saber tudo sobre a campanha e a sua missão – combater o desperdício e incentivar o consumo consciente.

A Too Good To Go

A Too Good To Go é uma empresa com selo B Corp, de impacto positivo e focada em corrigir e alterar hábitos de consumo de forma a combater o desperdício alimentar. Para isso, aproxima pequenos e grandes parceiros no ramo da alimentação a uma comunidade de consumidores conscientes da importância e do impacto das suas escolhas. A ideia nasceu há mais tempo mas foi em outubro de 2019 que surgiu finalmente em Portugal.

Todos os dias, os estabelecimentos que servem produtos alimentares são confrontados com excesso de produtos que, estando ainda bons para consumo, vão perder prioridade nos dias seguintes. Ao mesmo tempo, há utilizadores que, na defesa da ideia de uma economia mais circular, procuram aproveitar estes produtos, a preços mais acessíveis.

Esta é assim uma espécie de “segunda oportunidade a alimentos em perfeitas condições de consumo”. De 2019 até agora, a Too Good To Go tem juntando cada vez mais restaurantes, cafés, pastelarias e supermercados ao mesmo tempo que continua a crescer até aos quase 700 mil utilizadores, segundo números da plataforma.

A plataforma pode ser descarregada gratuitamente para iOS e Android. De seguida, faz uma pesquisa pelos estabelecimentos na sua zona e assim guarda as chamadas Magic Boxes. Depois, só precisa de dirigir-se ao local para efetuar a recolha. Já é mesmo salva uma refeição por minuto.

Este artigo foi escrito em parceria com a Too Good To Go.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT