Gourmet e Vinhos

Prado Fino: a nova mercearia de bairro do Porto que precisa de conhecer

O projeto é de duas irmãs, surgiu depois do início da pandemia e abriu oficialmente em dezembro.
Fotografias: Tânia Teixeira

Ir às compras durante a pandemia não é a tarefa mais fácil do mundo. Tirando o facto de que devemos ir ao supermercado apenas quando necessitamos e trazer o que precisamos para o maior número de dias possível, é habitual existirem filas, ter de esperar algum tempo e encontrar vários produtos em falta.

É por questões como estas que muitas vezes é preferível optar pelas mercearias de bairro em vez das grandes superfícies. Não costumam acumular tanta gente, têm um atendimento mais personalizado e, sobretudo, estão mais perto de casa. Bem, talvez nem sempre.

Benedita e Francisca Lobão, de 30 e 32 anos, são irmãs e depois de a primeira ter visto fechar o hotel onde trabalhava e a segunda estar a viver a indefinição do funcionamento do wine bar que gere, decidiram criar uma mercearia tradicional.

Foi assim que, por volta de setembro, começaram a pensar naquilo que viria a ser a Prado Fino, um mercearia que abriu portas em dezembro na zona do Pinheiro Manso, no Porto. Aproveitaram o gosto de ambas pelas artes manuais e restauraram elas próprias os móveis da loja, pensaram em todo o design, as mesas, a decoração, a pintura das paredes, tudo.

Aqui a prioridade não é ter aquilo que se encontra nos grandes supermercados, mas sim privilegiar os produtos regionais portugueses, os pequenos produtores e aquelas marcas menos comerciais. Na Prado Fino encontra uma garrafeira pequena com vinhos mais seletos, iogurtes 100 por cento naturais fabricados em Elvas, queijos de Gouveia, alguns frescos, frutas, legumes, chocolates de marcas portuguesas como a Arcádia ou a Nau do Cacau, e bolachas de fábricas da zona do Grande Porto.

Não se pense que isto seja uma mercearia gourmet porque esse não é, de todo, o objetivo destas duas irmãs. Aqui não há apenas produtos biológicos ou super exclusivos, há de tudo um pouco como numa mercearia de bairro mais típica.

“O nosso ex libris é a broa de Avintes, meia hora depois de chegar já não há. Temos até clientes que pedem para avisar quando chegar a broa e fazemos isso com todo o gosto”, conta à NiT Benedita.

A par da venda normal de artigos na mercearia, este projeto tem vendido também alguns cabazes semanais. Na altura do Natal fizeram uns exemplares mais requintados e a ideia foi tão bem sucedida que foi transformada em algo mais permanente. Assim, todas as semanas partilham nas redes sociais o que traz de novo o cabaz e já têm até clientes assíduos.

No futuro, assim que a pandemia permitir alguma liberdade extra, a ideia passa por organizar no espaço provas de vinho, degustações, e servir no local alguns dos produtos que os clientes podem levar para casa.

“Temos um espaço exterior muito agradável e gostávamos de aproveitá-lo.”

Para já, vão criando amizade com alguns clientes mais velhos que já fazem deste o seu espaço de eleição para as compras do dia a dia e cinco minutos de conversa. Carregue na galeria para conhecer melhor o espaço.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    R. Arquitecto Cassiano Barbosa 38b, 4100-009 Porto
    4100-009 Porto
  • HORÁRIO
  • Das: 10:00
  • Às: 19:00
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Mercearia

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT