gourmet e vinhos

Sto: a nova mercearia à antiga de Lisboa só tem produtos portugueses

Existem mais de 50 artigos nas prateleiras. O espaço junta ainda uma área de restauração com sugestões de pequeno-almoço e petiscos.
A mercearia também tem zona de refeições. Foto de Gonçalo F. Santos

Quer olhe para as prateleiras ou se sente à mesa da nova mercearia Sto, em Lisboa, uma coisa é certa: só vai encontrar produtos portugueses. Cláudia Almeida e Jorge Abreu têm um passado ligado ao retalho e à restauração. Desde 2018 que têm a ideia de abrir este espaço na cidade. Porém, a pandemia adiou constantemente a inauguração. Pelo menos até ao início de novembro, quando abriram as portas na Rua dos Fanqueiros. Agora, este é o novo spot para comprar artigos ou petiscar.

“A ideia surgiu pelo nosso amor à gastronomia, por Portugal, por esta paixão de atender o cliente. Queríamos ter num único espaço vários tipos de produtos portugueses, que tivessem uma história por trás, que tivesse um conteúdo.  Nem sempre se sabe da origem dos produtos. Aqui queremos gerar essa experiência aos clientes, tanto portugueses como estrangeiros”, explica à NiT Jorge Abreu, um dos sócios da Sto.

O conceito traz alguma tradição à Baixa lisboeta, mas também novidades. Esta é uma mercearia onde, além de comprar produtos, é possível petiscar. “O nome Sto vem da palavra história. O objetivo foi trazer um pouco da cultura gastronómica de Portugal. Temos tanto produtos para levar para casa, mas também para desfrutar e degustar por cá. Existem opções de norte a sul do País.”

Na Sto encontra mais de 50 produtos, a grande maioria de pequenos produtores. “Muitos deles não estão à venda em grandes superfícies. Desde que abrimos já tivemos produtores a procurarem-nos. Temos o objetivo de apresentar produtos com história, com origem e conteúdo. Estamos sempre à procura de novos produtores, para darmos mais oportunidade.”

Ali pode descobrir desde vinhos, conservas, queijos, azeites, doces e até bebidas espirituosas. Tem o pão de fermentação lenta da The Millstone Sourdough, os temperos de Cisca Massala — de Francisca Dias, a vencedora do programa “Hell’s Kitchen” —, farinhas de Paulinho Horta,  chocolates Taucacau e até sugestões da Queijaria Machado.

A escolha dos produtos foi feita por Moisés Franco. O chef trabalhou em restaurantes de José Avillez, como o Belcanto. No final deste ano, juntou-se ao projeto da Sto. “O Moisés conhece muitos produtores e pequenos produtores. Aqui a ideia foi também fazer a junção entre a ementa e produtos da mercearia, que na verdade é a nossa despensa.”

Para o pequeno-almoço ou até para petiscar ao final da tarde, existem várias opções para experimentar. Peça as tostas (desde 2,50€), sumos de laranja natural (3,50€), tábuas de queijos (8,50€), saladas de polvo (10€), sandes com pão de fermentação lenta ou bolo lêvedo, dos Açores. Para a sobremesa, pode optar por um pudim do Abade (6,50€) ou baba de caramelo (4,50€).

Tudo isto pode ser acompanhado por vinhos. Não têm uma carta, mas pode olhar para as referências que estão nas prateleiras e apontar com o dedo, como se fazia antigamente. “Só temos o que está exposto. O cliente tem a liberdade de escolher o vinho que quer beber ou levar para casa. A nossa carta está em constante mudança e com novidades”.

Carregue na galeria para conhecer melhor a nova mercearia Sto.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua dos Fanqueiros, 83-85, Lisboa
    1100-404 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 09:00
  • Às: 20:00
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Mercearia

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT