Gourmet e Vinhos

Supermercados britânicos voltam atrás e acabam com as caixas automáticas

A cadeia de supermercados inglesa Booths acredita que o atendimento humano oferece uma melhor experiência e serviço ao cliente.
A cadeia vai em contraciclo

Uns odeiam-nas, outros adoram-nas. As caixas automáticas nos supermercados dividem opiniões, embora a tendência dos últimos anos aponte para a sua inevitável omnipresença. Embora ainda não tenham eliminado totalmente a necessidade de ter pessoas a manobrar as caixas, são já raras as lojas que não as usam.

No entanto, do Reino Unido chegam notícias de uma aparente marcha-atrás, pelo menos numa cadeia. A Booths, uma cadeia de supermercados de luxo no norte da Inglaterra, está a alinhar-se com os críticos destas tecnologias de inteligência artificial e anunciou a remoção das caixas automáticas na maioria das suas lojas.

“Não somos grandes fãs destas caixas”, explica Nigel Murray, diretor-geral da Booths. “Orgulhamo-nos do nosso excelente serviço ao cliente, algo que não se consegue através de um robô.”

A Booths será então a primeira cadeia no Reino Unido a regressar a caixas totalmente atendidas por funcionários. Um porta-voz da empresa explicou que o plano passa por remover as caixas automáticas de todas as lojas, exceto duas.

“Acreditamos que ter colegas a atender clientes proporciona uma melhor experiência e, por isso, decidimos remover as caixas”, disse o porta-voz. “Esta decisão baseia-se não só no que consideramos ser o correto, mas também no feedback recebido dos nossos clientes.”

A Booths pertence à mesma família desde que Edwin Henry Booth, um comerciante de chá, abriu a primeira loja em Blackpool em 1847. “Vender os melhores produtos disponíveis, em lojas atrativas, com assistentes de primeira classe”, é a filosofia fundadora da Booths.

As caixas automáticas chegaram a esta cadeia há seis anos, como forma de gerir a folha de pagamento e aumentar a eficiência. Os responsáveis acreditam, no entanto, que a tecnologia terá diminuído o prazer de fazer compras na Booths.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT