restaurantes

As grandes novidades do renovado Palácio Chiado

Há novos conceitos de restauração e uma decoração diferente. Mas mantém-se aquele ambiente palaciano. 

Reabriu com novos conceitos de restauração.

O Palácio Chiado foi um dos projetos sensação em Lisboa durante 2016. A antiga residência do General Junto e do Barão de Quintela, que resistiu ao terramoto de 1755, foi transformado num food court requintado com diferentes conceitos de restauração. Já tinha sofrido pequenas alterações desde que abriu, mas agora foi à séria. O espaço da Rua do Alecrim esteve encerrado durante um mês logo a seguir ao verão. Voltou a estar operacional no início de outubro com muitas novidades espalhadas entre os dois pisos e diversas salas.

“Mantivemos o ADN e o mesmo modelo do Palácio. Quisemos reforçar ainda mais a parte gastronómica e artística”, explica à NiT Duarte Cardoso Pinto, um dos responsáveis pelo projeto. Há agora dois curadores para o Palácio Chiado, um para a área das artes, que ainda não está fechado, e outro para os restaurantes.

É aqui que entra Manuel Góia, chef executivo e responsável por estes conceitos. “Procurámos muito mais um reforço na gastronomia portuguesa.” A partir de agora, assim que o cliente se sentar em qualquer um dos 180 lugares das diferentes salas, recebe logo uma carta conjunta com os seis restaurantes que estão em funcionamento.

O Farrobodó, com clássicos da cozinha nacional, e o Rosmarino, com propostas mais italianas, são os dois dos conceitos que se mantiveram do espaço anterior. Por outro lado, o Cutelo House of Meat é uma das novidades. Tem carnes de todo o país grelhadas a carvão.

No Azimuth, Fish & Seafood, outros nos novos restaurantes, há propostas de peixe e marisco, como lombo de bacalhau, massada de garoupa ou filetes de dourada com açorda de ovas. O Seed é o conceito de comida saudável, com carnes, peixes e sugestões vegetarianas.

Aos restaurantes juntam-se ainda os bares. No hall, assim que entra, está o Dawn, com várias bebidas. No primeiro piso tem o Bar Junot, com uma extensa carta de gins e cocktails. O mobiliário também é novo e está mais coerente entre os diferentes espaços do Palácio Chiado.

“Às sextas e sábados vamos ainda ter um DJ set”, acrescenta Duarte Cardoso Pinto.

O Palácio está aberto todos os dias do meio dia à meia noite. Aos fins de semana, este horário prolonga-se até às duas da manhã.

Carregue na galeria para saber mais sobre o renovado Palácio Chiado.

 

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua do Alecrim, 70
    1200-018 Lisboa - Portugal
  • HORÁRIO
  • Das: 12:00
  • Às: 00:00
  • Sextas e sábado até : 02:00
PREÇO MÉDIO
Entre 20€ e 30€
TIPO DE COMIDA
Portuguesa

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT