restaurantes

Cantina Peruana: depois do Chiado, o império de José Avillez chega ao Cais do Sodré

Desde esta sexta-feira, 21 de setembro, que o chef tem um novo restaurante em Lisboa. O conceito estava no Bairro do Avillez e ganha agora um espaço próprio.

Há várias sugestões para partilhar/Foto de Grupo José Avillez.

Até ao início de outubro o império de José Avillez vai ter mais uma mão cheia de espaços em Lisboa. Cinco, portanto. Esta sexta-feira, 21 de setembro, é a inaugurada a Cantina Peruana no Cais do Sodré, o conceito que o chef tinha estreado com Diego Muñoz no Bairro do Avillez no verão de 2017. Daqui a umas semanas sai do Chiado, onde tem grande parte dos restaurantes, para abrir também na Rua de São Paulo o libanês Za’atar.

O novo peruano fica no Cais do Sodré, tem um pisco bar e vai estar aberto todos os dias para almoços e jantares. A decoração foi inspirada nas informais cantinas de Lima. Vanesa Vila, arquiteta de interiores peruana, foi quem a criou. A carta continua muito focada nos sabores peruanos e nas suas influências espanhola, africana, chinesa e japonesa.

No menu, criado mais uma vez em parceria com o chef português e Diego Muñoz, mantém-se grande parte das ofertas que eram servidas no Bairro do Avillez, mas também há algumas novidades para experimentar, sempre na lógica da partilha. Nos Crudos, as propostas de mar, tem o Tiradito Alají Amarillo, laminas de corvina com batata doce, alho negro, manjericão e leite de tigre (12,50€) ou o ceviche de marisco com gambas, vieiras, mexilhão e lingueirão (15€).

Depois tem as Frituras, com os chicharrón de calamar, os aros de lula frita (18€), ou as empanadas de frango (11,50€), as brasas, com o cachaço de porco grelhado (8€) ou os tentáculos de polvo também grelhados (15€), e ainda o wok a mostrar a influência asiática. Aqui tem lombo de vaca salteado com cebola roxa e tomate cherry (19,50€), ou a quinoa branca salteada (6€).

Nas sobremesas, a mousse de chocolate peruano mantém-se, mas nas novidades tem a Tres Meches de Lúcuma, um pão de ló com leite condensado, pisco e licor de avelã (8€), e o Merengado de Chirimoya, com gomos de laranja, merengue de lima e espuma de anona (7,50€).

O pisco bar acompanhou também o restaurante até ao Cais do Sodré. São várias as propostas criativas que poderá experimentar, algumas já conhecidas, outras novidades, todas com base na aguardente peruana. A Chicha Morada com sumo de maçã, ananás e milho roxo é umas das opções sem álcool da carta de bebidas.

A Pitaria, dedicada à cozinha do médio oriente, a Cantina Zé Avillez, no Campo das Cebolas, e o Cantinho do Avillez, no Parque das Nações, foram os outros restaurantes que o chef abriu este ano em Lisboa. O Mini Bar, em julho, foi o segundo espaço que abriu no Porto.

Carregue na galeria para saber mais sobre a nova Cantina Peruana.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua de São Paulo 32, 1200–428 Lisboa
    1200–428 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 12:00
  • Às: 15:00
  • Das: 19:00
  • Às: 00:00
PREÇO MÉDIO
Entre 20€ e 30€
TIPO DE COMIDA
Petiscos, Peruana

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT