Restaurantes

Um gaspacho de cereja com bacalhau e outras novidades criativas do Volver

O restaurante de Lisboa tem novo chef e uma nova carta cheia de sugestões para o verão.

Entradas, pratos e sobremesas, tudo criativo e novo no Volver

Podem mudar os chefs, a época dos produtos e os menus, mas uma coisa é certa: a cozinha do Volver nunca deixa de ser criativa. O restaurante de Lisboa tem novo chef desde abril e uma nova carta de verão com pratos de comer e volver por mais. O bacalhau a baixa temperatura com gaspacho de cereja é uma das novidades, mas há ainda novos pratos principais e acompanhamentos para não deixar as carnes sozinhas à mesa.

André Pires foi o responsável por esta carta. É natural de Santarém e trouxe para o Volver a experiência de trabalhos que fez na Bélgica, no La Sirene, mas também em Portugal, onde passou pela Nova Malhadinha, pelo restaurante do Hotel Lusitano, na Golegã, ou no Tágide, o espaço do Chiado onde esteve nos últimos cinco anos antes de se mudar para o restaurante do Lumiar.

A base portuguesa e argentina continua como a ser a essência do menu, mas agora leva um toque de outros países da América latina. Nas novas entradas há o Nikkey Patagónico, um tártaro com brûlée e gravlax de truta, funcho, lima, laranja e ruibarbo (14€), o tártaro de vaca, com pipocas de pimentos aji, ruibarbo e molho chimichurri (13,50€), ou o “Sorrentino” de couve portuguesa, ricota fumada, quinoa e geleira de molho barbecue.

Nos pratos principais, além do bacalhau com gaspacho de cereja, alho francês e berbigão (18,50€), há risotto de vieiras, com camarões, limão, salicórnia e queijo ricota (21,50€), o tártaro de vieira, com carne wagyu, pimentos, puré de milho, gel de salsa e quinoa trufada (23,50€), ou o pato crocante que chega à mesa com picles de pêra, gel de laranja e mostarda (16,50€).

Os cortes de carne, que nunca desiludem, mantêm-se, xomo chanteaubriand, chuletón ou T-bone que podem agora ser pedidos com novos acompanhamentos. É o caso do rosti de batata, o mesclum de batata com azeite trufado ou o puré com tutano e geleia de barbecue (desde 3,50€).

Nas sobremesas há novos rivais que se vão bater nos pedidos com a torta rogel, um clássico do espaço carregado de dulce de leche. As futuras estrelas são a pavlova, com espuma de doce de ovos, pimenta rosa e creme de queijo (7,50€); e o Abacaxi3, com maracujá, chocolate branco, limão e pisco.

FICHA TÉCNICA

  • HORÁRIO
  • Das: 12:30
  • Às: 15:00
  • Das: 20:00
  • Às: 00:30
  • Sexta e sábado até: 01:00
  • Fecha domingo
PREÇO MÉDIO
Entre 20€ e 30€
TIPO DE COMIDA
Autor, Argentina, Portuguesa

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT