gourmet e vinhos

Lidl passa a incluir a classificação do bem-estar animal nas embalagens de carne

Os consumidores nos vários supermercados da Suíça vão poder saber como o animal foi abatido e como foi alimentado.

É uma classificação idêntica à eficiência energética dos eletrodomésticos, mas aqui aplicada ao bem-estar animal. O Lidl na Suíça vai passar a incluir nas embalagens de carne um rótulo que irá guiar os consumidores na escolha das carnes. A classificação junta vários fatores e tem sempre em conta a forma como os animais viveram.

Este rótulo apenas está disponível nas embalagens de carne fresca. Na classificação são tidos em conta se os animais foram alimentados com medicamentos ou antibióticos, a forma como foram transportados e até abatidos.

Às carnes com uma melhor classificação será atribuída a letra A, com uma cor verde mais escura. Já as piores ficam com a letra D e com uma cor mais alaranjada. Pelo meio estão as letras B, com um verde mais claro, e a C, a amarelo.

“Esta é uma oportunidade de decidir comprar um artigo de forma mais fácil, rápida e consciente e, assim, criar mais transparência no que diz respeito ao bem-estar animal“, explicou o Andreas Zufelde, diretor comercial e de marketing da Lidl Suíça, aqui citado pelo “European Supermarket Magazine”.

Já Cesare Sciarra, da Swiss Animal Welfare Competence Center, disse também estar satisfeito com este iniciativa da marca. “Os clientes têm a oportunidade de tomar decisões mais conscientes”.

Estes novos rótulos vão estar disponíveis nas 150 lojas da Suíça a partir da primavera.

O rótulo é assim que vai aparecer.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT