Restaurantes

Mama Shelter: o novo hotel de Lisboa onde é obrigatório passar pelo restaurante

É primeira unidade da marca francesa na Península Ibérica. Além de novos quartos, trouxe um espaço de restauração com muito estilo.
Fotos de Francis Amiand.

É entre o Rato e o Marquês de Pombal, em Lisboa, que vai encontrar o novo hotel de Lisboa. O Mama Shelter abriu no dia 12 de janeiro a primeira unidade na Península Ibérica. A conhecida marca francesa foi fundada em Paris em 2008 pela família Trigano — a mesma que também cofundou o famoso Club Med.

O Mama Shelter não se limitou a aumentar o número de quartos e de camas na cidade. Trouxe ainda um novo restaurante homónimo com propostas de cozinha francesa, e não só, com alguma reintrepretação nacional. Neste caso, essa originalidade chega da cabeça do chef Nuno Bandeira de Lima, o responsável pelo menu.

Conhecer as sugestões de comida é importante num restaurante, claro, mas aqui importa ainda falarmos da decoração. No teto encontra um desenho de Beniloys, artista que colabora com a marca francesa há vários anos. O objetivo é trazer elementos marinhos para o alto da sua cabeça, tal como se estivesse debaixo do mar. As colunas do restaurante Mama Shelter estão preenchidas com azulejos Viúva Lamego e existem ainda cerâmicas da Bordallo Pinheiro com peixes e crustáceos.

É neste ambiente que as várias propostas são servidas — algumas delas que já existem noutros projetos da marca. É o caso do Mama’s Coquillette (15€), um mac and cheese ao estilo francês com fiambre, ovo cozido a baixa temperatura, queijo e salada.

Pode ainda optar pelo polvo grelhado com húmus, pak choi, pinhão e paprica (19€), o black angus grelhado com batatas fritas, salada e molho chimichuri (28€), ou a couve flor assada com couve roxa, amêndoas e romã (15€) e a salada de bacalhau com molho, azeitonas e croutons (15€)

Existe ainda um menu de almoço, servido apenas de segunda a sexta-feira. Tem uma versão a 13,50€, com prato, bebida e café; e outros dois a 16€, com entrada ou sobremesa, mais prato, bebida e café.

As pizzas são outro dos clássicos da marca e podem ser pedidas no restaurante ou em take-away, entre o meio-dia e a meia-noite. Tem desde as receitas mais simples, como a margherita (8€) e a diavola, com salame picante (11€), mas também a Regina, que junta fiambre e cogumelos (11€) ou a de presunto e rúcula (13€).

O chef Nuno Bandeira de Lima já passou pelas cozinhas do The Insólito e do The Decadente. Em 2016, esteve na abertura do 1908 Lisboa Hotel no restaurante Infame, no Intendente. Em 2022, inaugurou mais um projeto de restauração de uma unidade hoteleira.

Ao lado do restaurante, para um copo antes ou depois da refeição, encontra o bar do Mama Shelter Lisboa. Existem vários cocktails para experimentar e  que foram pensados por Diogo Petronilho Pereira Gomes. Podem ser pedidos também no jardim de inverno ou na zona de esplanada. O bar consegue receber até 28 clientes. Já o restaurante tem 240 lugares disponíveis.

Carregue na galeria para conhecer melhor o novo Mama Shelter.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    R. do Vale de Pereiro 19, 1250-270 Lisboa
    1250-270 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 12:00
  • Às: 15:00
  • Das: 19:00
  • Às: 23:00
PREÇO MÉDIO
Entre 20€ e 30€
TIPO DE COMIDA
Francesa, Portuguesa, Pizzaria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT