Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

restaurantes

O antigo cabeleireiro do Restelo onde agora se fazem pizzas de massa fina e crocante

O Ventiquattro também serve outros pratos que vale a pena experimentar. O espaço tem uma esplanada coberta e aquecida.
Há muito para experimentar.

Há 49 anos que a mãe de Inês Baptista abria todos os dias o Salão do Restelo, um cabeleireiro no centro comercial ao ar livre da Rua Duarte Pacheco Pereira, no Restelo. Reformou-se em 2020, aos 78 anos, mas o espaço ficou na família. Foi ali que a filha abriu o Ventiquattro, um restaurante com pizzas de massa fina e muito mais.

“As pessoas passam por aqui e dizem: ‘olha a filha da Tina, que graça’“, conta à NiT Inês Baptista, uma das responsáveis pelo projeto. Do antigo salão nada ficou. Saíram as cadeiras, os secadores, os pentes, lacas e tintas para o cabelo. Só mesmo quem é da zona e conhecia o espaço que funcionou naquele número 24 durante quase 50 anos é que sabe o que por ali se passava.

Inês Baptista, 43 anos, trabalhava na área de recursos humanos da Jerónimo Martins e nunca teve nada ligado a esta área. Ao contrário do sócio e amigo Carlos Serra, 46, que já sabia o que era gerir um bar.

“As nossas filhas andam na mesma escola, na mesma turma, e costumamos passar sempre férias na zona de Aljezur, no Algarve. Vamos sempre a pizzarias e um dia surgiu a ideia de criarmos este espaço”, explica Inês Baptista.

Da ideia à concretização não demorou muito. Terem acesso a um espaço onde pudessem montar o conceito tornou tudo mais fácil, mas desafiante ao mesmo tempo. “A cozinha só tem oito metros quadrados, mas é ali que fazemos tudo”, diz Carlos Serra.

Nas pizzas, por exemplo, preparam a massa diariamente, assim como as focaccias, o pão, o molho de tomate e o pesto. A cozinha pretende fazer uma massa mais ao estilo romano, fina e crocante, mas com os melhores ingredientes por cima.

“Usamos muitos ingredientes que chegam de Itália, como a farinha, os queijos, como a mozzarella e a gorgonzola, ou os enchidos, como a ventricina.” As pizzas são de tamanho único, ocupam todo um prato e têm mais ou menos 33 centímetros.

Algumas das variedades da Ventiquattro vão buscar nomes que remetem para as férias do Algarve. É o caso da Barlavento (12,50€), com queijo de cabra, tomate, rúcula e manjericão. Há ainda a Diavola, com salame, mozzarella e orégãos (11€), a versão com presunto de parma e cogumelos (11€) ou a calzone, com grana padano, ovo e salame (12,90€).

Mesmo com a cozinha reduzida, o espaço consegue servir mais pratos no menu. “Quisemos agradar a toda a gente e não ser apenas um restaurante de pizzas.” Há lasanhas de carne de vegetariana, fusilli com pesto caseiro, várias saladas e tábuas de queijos, enchidos e com focaccia a acompanhar.

No final, pode terminar com mais pizza, com a variedade de Nutella (6,90€), a panna cotta também caseira (4,50€) ou a Gostosa, uma das mais pedidas com gelado de nata, suspiro e frutos vermelhos (4€).

À partida, o nome Ventiquattro só nos remeteu para a porta, o mesmo aconteceu quando os dois sócios estavam a escolher o nome. Só depois perceberam que o número estava por todo o lado. Têm 24 lugares no interior e outros 24 na esplanada coberta e com salamandra, já a pedir o inverno. E os aniversários de ambos calham no dia 24, um em maio, o outro em setembro.

O Ventiquattro sempre fez take-away e delivery neste bairro lisboeta. Em breve irão entrar nas opções da Uber Eats.

As bruchettas são uma das sugestões para começar a refeição.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua Duarte Pacheco Pereira, 24A, Lisboa
    1400-140 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Das: 12:00
  • Às: 15:00
  • Das: 19:00
  • Às: 22:30
  • Sábados e domingos até às: 16:00
PREÇO MÉDIO
Entre 20€ e 30€
TIPO DE COMIDA
Pizzaria, Italiana

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT