Restaurantes

Petisqueira Voltaria: os petiscos portugueses reinventados

Pastéis de Tentúgal com alheira? Bolinhos de bacalhau no forno com ovo de codorniz? Tudo é possível na nova petisqueira do Porto.

E se um pastel de Tentúgal se recheasse de alheira? Ou um pastel de nata fosse feito com bacalhau? Na nova petisqueira do Porto, que está aberta desde 1 de dezembro, tudo isto é possível.

As invenções, como as descreve Fátima Teixeira, são todas caseiras e feitas no dia. Aos 42 anos, fartou-se da profissão de agente de viagens e deparou-se com a pequena loja, escondida na ruela que liga as Flores à Mouzinho da Silveira. Foi ali mesmo que decidiu fazer nascer a sua segunda casa, desta vez não para receber amigos, mas clientes e turistas, estrangeiros ou locais, tanto faz, desde que apreciem os petiscos.

“Não sou chef nem tenho pretensões a isso. Sempre gostei de cozinhar, de receber as pessoas e aqui é como se estivesse em casa”, conta à NiT.

A formação em turismo, a fluência em várias línguas e a vontade em partilhar as histórias da cidade ajudam a criar o ambiente familiar da Petisqueira, até porque lá dentro há apenas espaço para oito pessoas. Felizmente, há na carta mais petiscos do que cadeiras às mesas.

A alheira e o bacalhau são os ingredientes que mais fascinam Fátima e não é por acaso que os best sellers são já os bolinhos de bacalhau com broa e ovo de codorniz — assados no forno, no lugar da opção menos saudável mas mais tradicional, ou seja, fritos —  e os pastéis de Tentúgal com alheira, espinafres e compota de cebola no lugar habitual do creme de ovos.

Na carta de petiscos encontra também pastéis de nata recheados com bacalhau ou alheira (1,5€), bacalhau à Brás (5€), caldo verde (1,5€), sandes de presunto de porco bísaro (4€), tábuas de enchidos e a inevitável francesinha. E para quem picar não é uma opção, todos os dias se servem os respetivos pratos do dia, um arroz de farinheira e cogumelos ou uma versão com costelinhas. O tema é sempre o mesmo — cozinha portuguesa caseira e despretensiosa, para provar num espaço pequeno e acolhedor. Para breve, está já prevista uma pequena remodelação que vai aumentar a capacidade, para que todos possam provar as invenções de Fátima.

Carregue na imagem em baixo para conhecer o espaço e alguns dos pratos.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua Afonso Martins Alho, 109
    - Portugal
  • HORÁRIO
  • Terça a domingo
  • Das: 11:00
  • Às: 22:00
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Portuguesa

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT