Restaurantes

Restaurantes da Rússia deixam de estar no Guia Michelin

Em outubro, tinha sido lançado um guia dedicado a Moscovo. Porém, a organização anunciou que suspendeu todas as atividades.
Twins Garden tinha ganho duas estrelas na recente edição do Guia.

O Guia Michelin deixou de recomendar restaurantes na Rússia. Em outubro passado tinha sido lançada a primeira edição do livro gastronómico dedicado a Moscovo, com 69 espaços. Porém, devido à invasão da Ucrânia, a organização revelou que irá suspender todas as atividades no país e que em 2022 não será feita a seleção de prémios anual.

“Fizemos a opção de não promover Moscovo e a Rússia como destino”, explicou o Guia Michelin em comunicado, aqui citado pela “Reuters”. “Dada a gravidade da atual crise, as equipas Michelin tiveram que tomar a decisão de suspender todas as atividades de recomendação de restaurantes na Rússia”, continuou.

Este ano, não haverá guia, mas também nas redes sociais e na aplicação deixam de estar ativas as páginas dos vários restaurantes da Rússia e os respetivos comentários. No livro que tinha sido lançado em outubro, sete restaurante tinham conquistado uma estrela e outros dois acabaram por ser premiados com duas, o Twins Garden e o Artest.

Tinha sido considerada uma abertura da Michelin à gastronomia do país, com o lançamento de um edição específica para Moscovo, mas a guerra na Ucrânia acabou por inverter toda a situação.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT