Restaurantes

Sala de Corte tem disponível a melhor (e mais cara) carne do mundo

Esta é só para amantes de carne. O restaurante de Lisboa tem na ementa uma nova iguaria que está a fazer sucesso.

O restaurante lisboeta Sala de Corte é o único representante nacional na lista da World’s Best Steak, que distingue as melhores steakhouses do mundo. A partir desta semana passa a ter disponível aquela que é considerada a melhor e mais cara carne de vaca do mundo: a raça Wagyu. O produto chega ao espaço através da 2GR Australian Premium Fullblood Wagyu Beef, empresa líder na criação de vacas desta raça japonesa fora do Japão.

“O corte que nós temos é o rib eye steak, que corresponde ao corte entre as primeiras oito costelas. A carne é rica em gordura e é intramuscular, uma vez que os animais apesar de viverem ao ar livre não são incentivados a ter atividade física. A ideia é que tenham uma vida saudável mas que consigam fazer o armazenamento de bastante gordura. A melhor característica é a textura e tem um sabor muito particular”, afirma Marta Fernandes, responsável pelo espaço.

Estes animais são criados em pasto natural até aos 18 meses e alimentados posteriormente durante 400 dias com uma fórmula extra nutritiva elaborada em específico para a raça, que junta trigo, cevada e milho. A alimentação não tem qualquer adição de produto químico, esteróides, antibióticos ou hormonas e o objetivo é potenciar o nível de infiltração e gordura dos animais até aos seus três e quatro anos de vida, altura em que são abatidos.

“É uma das melhores carnes do mundo e está dividida por categorias. A nossa é a que antecede a classe mais premium desta raça e tem tido uma adesão muito boa. Primeiro porque a Sala de Corte é para meat lovers e não podíamos deixar de ter este corte que era bastante procurado pelo público. Aliás, tínhamos uma projeção de encomenda mensal que se tornou semanal. É o nível de sucesso de venda desta carne”, conta.

O preço: €290 o quilo. Carregue na galeria para conhecer esta nova iguaria.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT