Restaurantes

Sushiday: o novo restaurante de sushi que não aceita pagamentos em dinheiro

Também não precisa de ter medo de pronunciar o nome de algum prato mal, porque os pedidos são feitos através de um código QR.
Encontra várias propostas.

Uns não gostam e preferem fazer as coisas da forma tradicional, mas a verdade é que o mundo está cada vez mais tecnológico. Com um smartphone, bastam umas apps e alguns cliques para termos o jantar à porta de casa em minutos; encontrar o amor ou mudar de carreira profissional graças às redes sociais. As formas de pagamento eletrónico são cada vez mais comuns, graças a aplicações como o MBWay, o PayPal, o ApplePay, entre muitas outras. E, se não tiver uma delas instaladas, é melhor fazê-lo antes de pedir a conta no novo restaurante de sushi do Entroncamento.

O Sushiday abriu a 25 de agosto e não aceita pagamentos em dinheiro, ali é tudo é feito através do telemóvel. Trata-se de um projeto da Zone Soft, uma empresa com 17 anos de experiência que fabrica software para a área da restauração. “Decidimos abrir este restaurante para testar as tecnologias que desenvolvemos”, conta à NiT Michael Salvado, o gerente do projeto. Começou como programador e, aos 42 anos, é está à frente deste conceito inovador.

Se tem andado atento aos artigos da NiT já sabe que nos últimos meses, abriram vários novos espaços de sushi que abriram no País. Michael detetou esta tendência e quis fazer parte dela, mas longe das grandes metrópoles. “Queríamos construir um conceito com muita qualidade e trazer para as zonas remotas aquilo que se faz nas mais populosas”, revela. Além disso, a sede da empresa fica no Entroncamento, no Ribatejo.

Antes de passarmos ao menu, que também é bastante cativante, vamos explicar-lhe melhor o conceito do Sushiday. Não estamos a exagerar quando dizemos que as notas e moedas não são utilizadas. Pode levá-las consigo, sim, mas de nada servirão. Ali, tudo é “cashless e paperless”. O pagamento é, portanto, 100 por cento digital.

Quando chega ao restaurante, será convidado a sentar-se numa mesa, tal como acontece em todos os outros estabelecimentos. No tampo irá encontrar um código QR que, quando lido, abrirá a aplicação que desenvolveram: a biip. “Dentro desta app conseguem navegar pelo menu, ver fotografias dos pratos, quantas calorias têm e alertas sobre intolerâncias alimentares”, explica. Seleciona aquilo que lhe parece mais atrativo e na cozinha recebem a notificação do que escolheu, não tendo de interagir com nenhum funcionário para tratar do pedido (apenas lhe levam o prato à mesa). Um sonho para os tímidos crónicos ou para quem sofre com ansiedade social.

O pagamento também é feito digitalmente, através de aplicações como o MBWay ou ApplePay. “Também pode pagar com cartão, mas não com dinheiro. Estamos abertos há um mês e 90 por cento dos pagamentos são feitos com o biip, MBWay ou PayPal”, realça Michael. Na aplicação também pode dar gorjeta e avaliar a sua experiência. E há mais:  caso adira a uma outra app, a freebee, terá direito a descontos. Na primeira compra poupa 25 por cento, e nas seguintes dez por cento.

A ementa é bastante extensa e opções deliciosas não faltam. Como entrada, pode pedir a tradicional sopa miso (2,50€) ou escolher uma reinterpretação deste prato com camarão e salmão (5€). Também tem gyozas (5€), spring rolls (4€) e karague (5,50€) em travessas com cinco unidades. Ceviche de peixe (8€) e um carpaccio de salmão trufado (8€) são algumas das propostas frias.

Para prato principal, existem muitos combinados de sushi — claro. Tem o de 14 peças (13€), o de 28 (26€) e o de 40 (38€). Se preferir, também existem combinações que incluem entradas (desde 17€). Para algo mais leve, opte pelas poke bowls de salmão (7,50€) ou de camarão  9€. Quer combinar estes dois peixes? Escolha a que junta os dois por 10€. O Sushiday também faz entregas num raio que oito quilómetros. O serviço é assegurado por estafetas do restaurante e custa 2,50€. O pagamento terá de ser igualmente digital.

Carregue na galeria e fique a conhecer o inovador Sushiday, o novo restaurante de sushi no Entroncamento.

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Estrada Nacional 3, Zona Industrial Lote I-21
    2330-210 Santarém
  • HORÁRIO
  • De terça-feira a domingo das 12h às 15h e das 19h às 22h
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Sushi

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT