Gourmet e Vinhos

Salmonela obriga Kinder a retirar do mercado mais de 3 mil toneladas de chocolates

Os casos identificados em vários países levaram a empresa a recolher vários produtos. O prejuízo ascende aos milhões de euros.
Foram retirados chocolates de vários mercados.

Na sequência dos casos de salmonela detetados em vários países, a Kinder viu-se obrigada a recolher milhares de produtos do mercado. Em números redondos, tiveram de ser recolhidas — só em França — mais de três mil toneladas de chocolates. O valor total dos prejuízos não foi divulgado pela empresa. Nicolas Neykov, diretor da Ferrero no país disse ao “France 24” que os prejuízos podem atingir os milhões de euros.

“Esta crise é de partir o coração. É a maior remoção de produtos dos últimos 20 anos”, explicou Nicolas Neykov. A causa da infeção ainda é desconhecida. “Pode ter vindo através dos funcionários ou das matérias-primas”, continuou. Sabe-se apenas que a contaminação teve origem nos chocolates que foram produzidos na fábrica de Arlon, na Bélgica.

A unidade fabril acabou por ser temporariamente encerrada. A previsão é que possa reabrir a partir de 13 de junho, refere a empresa. Após a reabertura a marca irá aumentar em 50 por cento o número de inspeções. Serão feitas por um laboratório externo e não de forma interna, como tem acontecido nos últimos anos.

Só em França, esta crise levou a uma perda de faturação em 40 por cento durante a Páscoa, um dos períodos mais fortes da empresa ao longo do ano. Já foram confirmados mais de 260 casos de salmonela associados aos chocolates Kinder.

Desde janeiro que foram identificadas infeções no Reino Unido, Alemanha, Bélgica, Áustria, Dinamarca, Espanha, França, Suécia, Luxemburgo, Itália e Irlanda. Também no Canadá e nos Estados Unidos da América foram registados casos.

Mais de 80 por cento dos infetados foram miúdos até aos 10 anos. Mais de 40 por cento tiveram mesmo de ir ao hospital. Em Portugal não foram relatados casos. A Ferrero anunciou apenas que os lotes dos artigos em causa foram retirados do mercado, ou seja, os Kinder Shokobons, Kinder Surpresa Maxi e Kinder Happy Moments, com data de validade entre 26 de maio e 21 de agosto deste ano.

Os chocolates da Kinder não são o único produto associado a samonela. Esta semana foram detetados casos associados ao consumo da manteiga de amendoim da Jif. São todos nos Estados Unidos. Esta é uma marca que também está à venda em Portugal em algumas lojas com produtos de todo o mundo, como a Flavers ou a Liberty.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT