Moda

Portugal Fashion: A África de Miguel Vieira

Depois de Nova Iorque, o designer apresenta a coleção repleta de padrões na Alfândega do Porto.
Foto de Portugal Fashion

Karen Blixon, conhecida também pelo pseudónimo Isak Dinesen, viveu maior parte da sua vida em África e foi lá que escreveu uma das obras mais emblemáticas de sempre, “África Minha”, que chegou ao cinema. Morreu em 1962 aos 77 anos quando já estava na Dinamarca depois das plantações de café que tinha no Quénia terem sido um fracasso.

A sua morte foi há mais de 50 anos mas ainda continua a inspirar pessoas (e coleções) em todo o mundo. Foi o caso de Miguel Vieira que pegou neste clássico dos anos 30 e reinventou-o em peças para a próxima estação.

É claro que os padrões não podiam deixar de ser tribais (ainda que pouco evidentes), com tons de ouro que fazem lembrar o pôr do sol, camuflados animais e o design moderno segue por linhas direitas que suavizam a silhueta feminina.

Este cenário africano já tinha sido apresentado na Semana da Moda de Nova Iorqueem setembro, também com o Portugal Fashion, na sala C do Pier 59 Studios. Vieira e Katty Xiomara foram os únicos estilistas portugueses a estarem presentes neste evento – há cerca de 15 anos que nenhum criador português estava nesta semana da moda.

Para conhecer a coleção do designer, carregue na imagem.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT