Beleza

As máscaras têm consequências piores na pele das mulheres acima dos 50 anos

Sobretudo na zona acima dos lábios, onde as rugas podem ficar mais vincadas. Saiba como pode resolver o problema.
Hidratação é a chave para prevenir as rugas

Desde que as máscaras entraram na nossa rotina diária passámos a ouvir mais queixas de problemas de pele nas orelhas devido à fricção e problemas de desidratação da pele ou de aumento de acne. Mas estes não são os únicas consequências com que devemos preocupar-nos.

Como com a máscara pouco fica visível, temos dado maior importância ao olhar e por isso concentramos aí os esforços no que toca a hidratantes e até a uma maquilhagem que os faça ressaltar. Não há mal nisso, mas temos de nos lembrar de que existe outra área bastante importante: os lábios e a zona acima deles.

Muitas mulheres com pele mais madura ou a partir dos 50 anos preocupam-se mais com as rugas nessa área, que acabam por, em muitos casos, ficar bastante marcadas. Com as máscaras, esse efeito vai ser ainda pior, tanto pela maior desidratação como pelos movimentos involuntários que acabamos por fazer.

“Pela contração muscular repetida que acaba por quebrar a pele. Com o passar do tempo, a pele fica mais fina, pelo que as contrações repetidas fazem com que as rugas se marquem. Para as fumadoras é ainda pior, mas há outros fatores que estão a piorar a situação. Por exemplo, a secura e a falta de oxigenação que provocam as máscaras e o facto de que, ao levar a boca tapada, gesticulamos mais para fazermo-nos entender e que nos ouçam bem”, explica Paula Rosso, médica do Centro Médico Estético Lajo Plaza, ao “El País”.

Para resolver este problema pode recorrer-se, claro, a métodos mais avançados como injeções ou cirurgias, mas há também forma de minimizar estas consequências ou atrasá-las com a nossa rotina de cuidados diária. A hidratação é fundamental, mas há alguns truques.

Comece por aplicar um sérum hidratante específico para esta zona ou até para a zona dos olhos, que em composição da pele é semelhante. Isto é válido para as manhãs e as noites, exceto se o seu sérum tiver retinol, nesse caso aplique apenas na rotina noturna. O mesmo é válido para o creme hidratante, que novamente pode ser específico para esta zona ou para a dos olhos, devendo ainda acrescentar protetor solar durante o dia.

Se procurar uma ação mais intensiva, pode escolher umas ampolas para aplicar à noite como tratamento durante cerca de um mês. Como complemento, pode fazer com regularidade — pelo menos uma vez por semana — uma máscara facial hidratante para ajudar a recuperar ainda mais a pele.

Estes são alguns dos cuidados que deve ter com a zona entre os lábios e o nariz, para prevenir ou diminuir as rugas que tanto nos desagradam. Se as manchas e marcas na pele são outro dos problemas que quer tratar, carregue na galeria para descobrir os cremes mais adequados para essa função.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT