Lojas e marcas

As correntes portuguesas em que pode pendurar os óculos, máscaras ou o smartphone

A Köpai Chains foi lançada no final de agosto por um casal que queria uma solução para não perder os óculos de sol nas viagens.
Há 20 modelos à venda.

Há uma nova marca de correntes de óculos no mercado que só vende produtos multifunções e 100 por cento portugueses. Chama-se Köpai Chains e lançou um acessório 3 em 1, que pode ser usado para pendurar qualquer tipo de óculos, máscaras sociais ou cirúrgicas e capas de telemóvel.

O lançamento oficial foi feito a 27 de agosto e o enorme sucesso foi completamente inesperado para Vera Torok, de 27 anos, e Diogo Morgado, de 29, o casal de empreendedores que já trabalhava junto nas marcas próprias Mel & Alecrim e My Travelling Socks.

“Nas imensas viagens que já fizemos à volta do mundo, percebemos que havia um acessório indispensável: as correntes de óculos. Não só por serem práticas, mas por já termos perdido alguns óculos antes de começarmos a usar este acessório”, começam por conta à NiT.

Durante a quarentena, puseram-se a pensar neste problema e quiseram resolvê-lo com uma ideia mais inovadora. “Pela necessidade de usarmos máscara diariamente para todo o lado, percebemos que as correntes de óculos podiam ganhar uma nova utilidade”, continuam. O objetivo era permitir que os acessórios segurassem também os equipamentos de proteção contra o vírus.

Através de um sistema de fecho simples, a corrente transforma-se num 3 em 1. São sempre feitas com aço inoxidável como base (que não escurece nem perde cor com o tempo) e acabadas com materiais como o acetato vegetal e pérolas, ou pedras naturais.

“As nossas peças tornam-se ainda mais especiais pelo facto de todas as 20 correntes do lançamento da marca terem nomes de locais que já visitámos, desde Bali até à Costa Rica”, acrescenta o casal.

Todas as peças estão disponíveis na conta de Instagram da Köpai Chains, com preços entre os 15€ e os 25€.

Köpai Chains
Diogo e Vera.

Quem manda nisto tudo?

Nomes: Vera Torok e Diogo Morgado;
Idades: 27 e 29 anos, respetivamente;
Formações: Vera licenciou-se em Economia pela Faculdade de Economia do Porto e fez um mestrado em Gestão pela Universidade Católica Portuguesa e Diogo licenciou-se e fez um mestrado em Engenharia e Gestão Industrial no Instituto Superior Técnico;
Guilty pleasures: “Esta é simples: viajar o máximo possível”;
Peça favorita: “Gili, uma corrente simples com detalhes em acetato vegetal fino porque é a peça mais versátil de combinar entre óculos, máscara e colar”;
Convençam-nos a conhecer a marca: “Get yourself chained up!”

A seguir, carregue na galeria para conhecer algumas propostas da Köpai Chains.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT