Decoração

A nova galeria de artes decorativas de Lisboa tem obras de artistas de todo o mundo

A Analora foi inaugurada por uma francesa curadora de criações únicas, que está a viver em Portugal há 3 anos.
O espaço foi fundado por uma francesa a viver em Portugal.

Foi bem no coração de Lisboa que a francesa Anne-Laure Pilet resolveu fundar uma galeria de arte eclética a que chamou Analora. O espaço luminoso abriu portas em setembro deste ano no número 388 da Rua de São Bento e é por lá que vai encontrar criações de vários artistas internacionais.

Entre eles, destacam-se nomes conceituados como António Vasconcelos Lapa, Almerinda Gillet, Alelier MacQuiche, Fabienne Auzolle, Giacomo Alessi, Le Cabinet de Porcelaine e Yumé.

Depois de vários anos de viagens e descobertas, a fundadora escolheu o nosso País para viver e para dar vida a um projeto que, diz, é mais uma paixão: apresentar artistas, artesãos e criadores que aprecia, que a sensibilizam e que criam peças únicas, cheias de história.

Anne-Laure Pilet conta com 20 anos de experiência em algumas das melhores agências de publicidade de Paris (em França), onde trabalhou de perto com diretores criativos e fotógrafos de renome. No seu currículo estão também seis anos passados na China, onde trabalhou no intercâmbio cultural sino-francês.

analora
Anne-Laure Pilet trabalha há várias décadas com artistas.

A viver em Lisboa há cerca de três anos, a criadora da Analora inaugurou este espaço que pretende ser mais do que uma galeria de exposição. O que quer é criar um local de convívio, que agregue artistas e curadores através de momentos de partilha de interesses.

“A minha seleção foi idealizada para trazer poesia, originalidade e requinte. Todas as peças têm grande significado, concebidas em torno da sua própria identidade, ou de um conceito. O meu olho, a minha sensibilidade, foram construídos durante muito tempo”, explica.

Um processo que desenvolveu ao longo de toda a sua carreira, ao trabalhar com vários artistas e fotógrafos. “As viagens, as culturas e o know-how têm cultivado este meu gosto pela originalidade e elegância. Não há fronteiras. Os produtos vêm de todas as partes do mundo”, acrescenta.

Todas as peças são únicas e feitas à mão, principalmente em cerâmica, mas também com porcelana, barro e arenito. Estão disponíveis para compra nas lojas física e online, com preços que vão dos 40€ aos 3500€.

Ao longo dos próximos meses, a francesa quer continuar a dinamizar o local introduzindo novas peças, lâmpadas e esculturas, dando assim a conhecer artistas e projetos de grande dimensão.

Carregue na galeria para conhecer melhor o que pode encontrar nesta nova galeria em Lisboa.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua de São Bento, n.º 388
    1200-803 Lisboa
  • HORÁRIO
  • De terça a sexta-feira, das: 11:00
  • às: 19:00
  • Sábados, das: 10:30
  • às: 15:00

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT