Decoração

Os novos têxteis da Baluk Home são para decorar a mesa com peças de linho nacionais

Os individuais, caminhos e guardanapos desta marca portuguesa são feitos à mão por costureiras na zona do Porto.
As peças têm tons naturais.

Almoços e jantares longos, passados à mesa com amigos e família a comer e a conversar até perder a noção do tempo. Foram estas memórias que inspiraram Rita Gloystein Sampaio, de 25 anos, a criar uma marca que pudesse tornar esses momentos “mais pessoais” e criasse um ambiente puro, que pudesse dar mais alma às casas das pessoas.

Com essa ideia, lançou a marca Baluk Home para preencher as mesas com individuais, caminhos e guardanapos confecionados à mão em Portugal e feitos 100 por cento em linho. “O desejo de contribuir para a confeção sustentável esteve sempre em mente no desenvolvimento da marca”, conta a criadora à NiT. Segundo Rita, o conceito de sustentabilidade está presente na matéria-prima utilizada, mas também no packaging em que os produtos são entregues.

“Gosto muito de sentir que estou a contribuir de alguma forma e gosto ainda mais quando a criatividade está associada a essa contribuição, por isso mergulhei de cabeça neste projeto”, continua. A fundadora da Baluk Home estudou Gestão de Marketing no IPAM do Porto e diz que sempre sentiu um interesse pela área criativa.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por BALUK (@baluk__home)

Por isso mesmo, decidiu lançar-se num mestrado em Meios Visuais e Digitais na universidade IE em Madrid, Espanha, para onde foi em outubro de 2019. “Concluí o mestrado em julho de 2020 e a vontade de ficar era muita, de entrar no mercado de trabalho ainda maior.” Neste ano tão atípico, explica, isso não foi possível — nem em Espanha, nem no nosso País.

No entanto, essa temporada passada em Madrid já a tinha inspirado para criar o seu próprio projeto. Durante esse período, conta que o gosto por decoração de casa cresceu, ao mesmo tempo que crescia o gosto de receber pessoas. Afinal, acrescenta, “é à mesa que se reúnem os amigos e a família”.

Regressada a Portugal, decidiu usar as competências que desenvolveu durante os estudos em Madrid para criar o próprio projeto. Na loja online da marca — que lançou oficialmente em outubro de 2020 — vai encontrar a primeira coleção de têxteis de mesa, composta por individuais, guardanapos e caminhos. Todas as peças são feitas em linho e confecionadas à mão por costureiras na zona do Porto.

São, como descreve Rita, artigos “modernos mas intemporais, que se adaptam a todas as estações do ano, estilos e ocasiões”. Segundo a criadora, as peças foram criadas com inspiração na “beleza crua da natureza e na sua simplicidade”. 

As cores variam entre o cinzento, amarelo, azul e vermelho. Já os preços podem ir dos 6€ aos 24€. Pode encomendar todas as peças para casa através do site oficial.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por BALUK (@baluk__home)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT