Decoração

Vista Alegre lançou a primeira coleção de têxteis — com écharpes e mantas

A nova linha da marca portuguesa foi lançada este mês e é desenvolvida com caxemira da Mongólia.
A manta Duality.

Fundada em 1824, a icónica marca portuguesa de cristais, porcelanas e vidro Vista Alegre acabou de alargar a sua oferta aos têxteis. Esta quinta-feira, 3 de dezembro, foi anunciado o lançamento de uma coleção composta por três écharpes e duas mantas que se baseiam em quatro das suas coleções de porcelana: Duality, Ivory, Transatlântica e Amazónia.

Esta é uma evolução que os responsáveis caracterizam como “orgânica”, que dá “continuidade à paixão da marca pela arte e pela beleza”. As peças são, dizem, de uma “suavidade incomum”, com consistência e leveza e uma textura delicada, desenvolvida com caxemira de qualidade superior.

A matéria-prima vem da Mongólia e é recolhida manualmente quando chega o calor, a partir de maio, num processo “indolor para o animal e inteiramente sustentável”, reforçam. Essa recolha é então enviada para especialistas mundiais na fiação de caxemira superior, que fazem um controlo de qualidade que alia “tecnologia a um profundo conhecimento artesanal. Somente o material que corresponde aos mais altos níveis de excelência é utilizado no fabrico dos têxteis Vista Alegre.”

Todo o processo do projeto assegura uma simbiose entre humanos, animais e o ambiente. A empresa quer participar na melhoria da qualidade de vida e do trabalho da comunidade local, contribuindo ao mesmo tempo para a manutenção de uma atividade ancestral que salvaguarda “as espécies, a paisagem e a transmissão de conhecimento”.

As três écharpes (Amazónia, Transatlântica e Duality) estão à venda por 730€. A manta Ivory custa 850€ e a Duality 1500€. As propostas já estão disponíveis no site da Vista Alegre e nas lojas da marca no nosso País.

vista alegre
Imagens da campanha.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT