Lojas e marcas

A Better Place: a nova loja da capital que promove o bem-estar com produtos naturais

As marcas Pura351, a Teallerman e a Panopono passaram a partilhar o mesmo teto num espaço inaugurado no dia 8 de outubro.
O objetivo é promover uma vida com mais qualidade.

Em Portugal, a aposta nas concept stores e na sinergia entre marcas é cada vez mais comum. A colaboração entre projetos com algo diferente para oferecer, mas que partilham da mesma filosofia, resulta em lojas ainda mais convidativos para os clientes. Um dos mais recentes exemplos desta ideia é a A Better Place, que inaugurou no dia 8 de outubro no número 18 da Rua Luís Palmeirim, em Lisboa.

O espaço, que pretende ser uma referência na promoção do bem-estar e da felicidade, reúne três projetos autorais desenvolvidos por um trio de amigas. Mónica Costa, 48, e Ana Costa Dias, 55, conheceram-se num evento de ioga e com base nessa ligação, começou a desenhar-se um novo negócio com base na coletividade.

“A Mónica tinha a marca Teallerman, focada no ritual do chá, porque trabalha na área há mais de 20 anos”, explica à NiT Ana Costa Dias, sobre a sócia. “Como trabalho com aromaterapia e com velas naturais, achámos que existia uma possibilidade de partilha dos elementos naturais e mais autênticos.”

Eventualmente, juntou-se um terceiro elemento à equação. Riva Ferreira, de 44 anos, era uma conhecida de Mónica, que a conheceu no Brasil ao preparar um chá de casamento. Às valências das cofundadoras, acrescentou o conhecimento na área da tinturia que o terceiro membro da equipa acrescentou.

“Na sua essência, A Better Place representa um lugar que oferece mais paz interior e menos pressão exterior”, explica. Curiosamente, a oportunidade de construírem este universo utópico surgiu num local que, durante 20 anos, funcionou como a casa de chá da primeira fundadora, em Alvalade. Já existia uma conexão com a loja mesmo antes de se instalarem, além do próprio bairro ser aliciante.

“Alvalade tem evoluído muito em relação a projetos autorais, a nível da gastronomia e não só. Está a oferecer respostas diferentes, fora do mainstream e era importante estarmos numa comunidade em que as pessoas valorizam as lojas locais e os conceitos aliados com o bem-estar. Queremos posicionar-nos, posicionar a zona e construir uma vizinhança com qualidade.”

Três em um

A Pura351, da autoria de Ana Costa Dias, inclui velas vegetais, óleos essenciais e cosméticos baseados no conceito de clean skincare. De acordo com a responsável, ainda existe muita desinformação e, por isso, trata-se de um projeto em que é preciso recorrer à pedagogia. Cada produto da linha é feito com matérias-primas naturais, extraídas das plantas, e procura-se aproveitar o caráter terapêutico dos aromas.

Por ser uma experiência tão sensorial, desenvolver a concept store online nunca foi uma opção. “São produtos que trabalham com cheiros e essa ligação com a natureza e o próprio produto não se conquista via online”, acrescenta Ana. “No caso dos chás, sendo uma área diferente, também há muito a ganhar nos aspetos mais técnicos e para criar um mercado mais consciente”.

Quando os clientes avançam na loja, cruzam-se com a oferta de chás Teallerman. Escolhidos um pouco por todo o mundo, a seleção é feita pela responsável com todo o cuidado e conhecimento que foi adquirindo ao longo de duas décadas de experiência.

“Temos o espaço organizado de forma a haver uma tipificação de cada uma das marcas. Cada canto é um convite porque, no fundo, a loja é um cabinet of curiosities”, diz. “É um espaço onde se entra e, com cuidado e com calma, vão vendo cada produto. As pessoas nunca viram a maior parte deles”.

O terceiro ponto da loja corresponde à Panopono, uma marca artesanal de tinturaria natural. Utilizam uma antiga técnica indiana, designada Ayurvastra, para criar têxteis e peças feitas com cores que nascem de elementos da natureza. A etiqueta sublinha a importância dada ao bem-estar, já que a pele absorve as propriedades medicinais dos corantes naturais ao entrar em contacto com o tecido.

Um canto para descansar e vários convidados

Além das marcas da casa, em paralelo, a loja tem um espaço onde são convidados outros artistas para expor o seu trabalho, tanto nacionais como internacionais. Neste momento, numa fase inicial, estão disponíveis as cerâmicas da marca Bonnie and Clay, de Margarida Valente.

Outra iniciativa que quiseram implementar passa pela inauguração de um bistrô, porque “faz sentido as pessoas entrarem, perceberem que é uma loja diferente e poderem tomar um chá ou outro tipo de bebidas”. A importância dada aos sentidos, em cada um dos projetos, é consumada com esta vontade de melhorar a experiência dos clientes.

“O objetivo é criar rituais de prazer a partir de objetos com baixo impacto ambiental. Cada uma trabalha com matérias-primas valiosas, purés e livres de contaminação sintética”, conclui. “Queremos dar um passo à frente e oferecer produtos que promovam um estado de espírito mais elevado e positivo”.

Os preços dos produtos da Pura351 variam dos 5€ aos 35€, os chás da Teallerman vão dos 4€ aos 60€ e, no caso da Panopono, os valores oscilam entre os 7 e os 60€. Pode conhecer todas as propostas ao visitar a loja no número 18 da Rua Luís Palmeirim, em Lisboa.

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua Luís Palmeirim, 18
    1700-006 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Terça a sexta das 12h às 19h
  • Sábado das 10h às 18h

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT