Lojas e marcas

All Closets: o novo site português onde pode vender as suas roupas em segunda mão

As recolhas de roupas usadas são feitas pela empresa, por um valor que começa nos 1,99€.
A plataforma foi criada por dois amigos.

Há cerca de dois anos, Catarina Silva, de 24 anos, resolveu criar uma loja de venda de roupa em segunda mão no Instagram. A jovem de Vila Nova de Gaia estava descontente com a indústria da moda e queria começar a fazer a sua parte para promover a economia circular.

Quando percebeu que havia espaço no mercado para a venda de vestuário usado, decidiu responder aos pedidos crescentes dos seus clientes e criar uma plataforma que lhes permitisse comprarem, mas também venderem as suas próprias peças.

A All Closets foi lançada oficialmente a 12 de outubro deste ano, depois do amigo João Gomes, de 28 anos, se ter aliado ao projeto. Juntos, querem oferecer uma solução simples, fácil e eficaz para a compra e venda de roupas, sapatos e acessórios que já não têm uso. 

“O que nos move é o foco na diminuição do desperdício gerado pela indústria têxtil e proporcionarmos uma boa experiência de compra e venda circulares”, conta Catarina à NiT. A All Closets pode ser usada por qualquer pessoa — por lá encontra opções para homens, mulheres e crianças.

Posicionam-se como uma plataforma inclusiva em termos de género, idade, estilo e carteira e contam ainda com algumas propostas direcionadas às gamas plus-size, de maternidade e vintage. Na primeira semana chegaram a cerca de 200 artigos ao site

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por ALL CLOSETS (@all_closets)

Catarina e João formaram-se os dois na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, embora em cursos diferentes. Ela estudou Engenharia Mecânica; ele, Engenharia Eletrónica. Além disso, a cofundadora fez uma pós-graduação na Harvard Business School.

Antes de se lançaram neste projeto, João estava a trabalhar na área do software e Catarina numa empresa ligada às energias renováveis, trabalho que deixou para se dedicar à All Closets a tempo inteiro.

“Desde sempre que sinto um grande amor pela moda. Mas, quando me informei sobre o quão poluente é esta indústria e as suas consequências, assustei-me”, recorda em conversa com a NiT. “Descobri que as roupas que descartamos vão parar a aterros, sendo aí incineradas ou simplesmente deixadas a decompor-se, aumentando substancialmente a poluição gerada.”

Para ela, transformar essas peças em lixo não faz sentido — sobretudo sabendo que outras pessoas poderiam querer usá-las. “Na realidade, se continuarmos a deitar fora toneladas de vestuário diariamente, somos nós, os seres humanos, os animais e o planeta que vamos pagar por isso. Esse futuro não está assim tão longe quanto imaginamos”, continua.

“Uma solução face à atual crise na indústria é a moda em segunda mão, cujas vantagens são cada vez mais conhecidas: é mais barato; faz bem ao ambiente; é emocionante encontrar artigos únicos ou raros; e nós, enquanto vendedores, podemos ganhar um extra de que não estaríamos à espera.”

A All Closets facilita o processo: são eles que tratam de tudo para vender os produtos dos clientes.

As recolhas de roupas usadas são feitas pela empresa, por um preço que começa nos 1,99€. Os portes de envio são grátis em compras de valores superiores a 49,99€. Nas primeiras compras,  a todos os utilizadores têm direito a um desconto de 10 por cento.

Carregue na galeria para conhecer algumas das propostas que estão à venda nesta plataforma de compra e venda de roupa em segunda mão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT