Lojas e marcas

Chegou ao fim a The Vampire’s Wife, a marca de vestidos favorita de Kate Middleton

A etiqueta foi criada por Susie Cave, mulher do músico Nick Cave, em 2014. Atravessava dificuldades financeiras.
Uma criação eternalizada.

No primeiro retrato oficial com William, Kate Middleton surgiu com uma postura tranquila, braço entrelaçado no marido e um vestido deslumbrante. A obra de arte, revelada em junho de 2022, mostrava a princesa de Gales com um modelo verde-esmeralda feito de um tecido brilhante com o custava dois mil euros.

O design do vestido é da marca londrina The Vampire’s Wife, uma escolha frequente da duquesa de Cambridge. A etiqueta tornou-se numa das suas favoritas e ganhou popularidade em todo o mundo, contudo, isso não impediu o negócio de chegar ao fim.

A etiqueta anunciou o encerramento no final de maio através da página de Instagram. “É altura de dizer adeus”, escreveram nas redes sociais. Na publicação, destacaram os problemas financeiros que perseguiam o projeto há vários meses e que se tornaram difíceis de ultrapassar.

A The Vampire’s Wife foi criada em 2014 por Susie Cave, que se inspirou num projeto abandonado do marido, o artista Nick Cave. O design da etiqueta destaca-se pelas peças trabalhadas, elegantes e femininas, com cores vibrantes e por roupa de inspiração vintage com um toque gótico.

Sempre que vestimos um dos seus vestidos, sentimos que foi feito para nós“, disse uma vez a atriz Greta Bellamacina, cliente frequente da marca, ao jornal “The Standard”. Foi graças a este desenho democrático que a lista de seguidores se tornou internacional e chegou à série “Killing Eve”

Apesar de ter começado por ser um negócio de nicho, as redes sociais contribuíram para o seu crescimento que resultou na procura das criações por personalidades como Cate Blanchett, Kate Moss, Kylie Minogue e Florence Welch. É uma das marcas favoritas da 

Quando lançou o projeto, Sue Cave não era uma iniciante no mundo da moda. Já tinha trabalhado como modelo para etiquetas como a Saint Laurent, a Christian Dior, John Galliano e Vivienne Westwood, assim como os fotógrafos Nick Knight, Guy Bourdin e Dominique Issermann.

Em 2018, a edição britânica da “Vogue” escolheu o seu modelo Falconetti — usado várias vezes por Middleton — como a peça do ano, com as suas mangas largas reconhecíveis. Já a “Harper’s Bazaar” destacou-a como designer no ano nos prémios Mulher do Ano.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por THE VAMPIRE’S WIFE (@thevampireswife)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT