Lojas e marcas

Convidadas, não desesperem: o vestido para a próxima festa ou cerimónia está na Bontön

A marca portuguesa lançou a sua primeira coleção dedicada a eventos especiais, com peças para todos os gostos e silhuetas.
É uma produção 100 por cento nacional.

Receber um convite para um casamento, batizado ou qualquer outra cerimónia formal gera quase sempre um sentimento de pânico. As convidadas questionam o que devem usar, uma vez que está em causa não só o estilo pessoal de cada uma, mas as expetativas colocadas pelos anfitriões da cerimónia.

O problema agrava-se quando a oferta no mercado é limitada, o que dificulta a procura da indumentária perfeita. Com o objetivo de preencher esta lacuna, a etiqueta nacional Bontön estreou-se no segmento de roupa de cerimónia com propostas singulares.

Mariana Amaral tem 28 anos e estudou arquitetura, mas é na Bontön que tem explorado a sua ligação ao desenho. Com uma identidade muito nacional, a insígnia dirige-se ao público feminino com propostas no mundo do vestuário, do swimwear e dos acessórios. A fundadora lançou o projeto a 1 de novembro de 2020, com a intenção de desenvolver um conceito baseado nas suas próprias escolhas.

Apesar do background académico, a moda ocupou um lugar significativo na vida da criadora. “Sendo uma pessoa mais direcionada para o mundo artístico, considero a moda uma arte, tal como a arquitetura”, explica. No processo de criação — do design à escolha de texturas e padrões —, procura a mesma vertente sensorial que encontra no trabalho arquitetónico.

No caso dos acessórios, apresenta uma coleção handmade, com criações singulares, e conta também com uma gama permanente, com peças de aço inoxidável e prata 925. São estes artigos que vão acompanhando os restantes lançamentos, as várias coleções-cápsula. Na recém-lançada “Let’s Celebrate”, a Bontön explora pela primeira vez um universo mais cerimonioso, dedicado a eventos festivos como casamentos ou batizados.

Época de celebrações

“A ideia surgiu no ano passado, quando estava à procura do look perfeito para dois casamentos, e comecei a perceber que a oferta não correspondia ao que eu procurava”, revela. A esta constatação juntou-se o desejo de celebrar os dias mais importantes na vida de familiares e amigos que, com o término da maioria das restrições impostas da pandemia, voltam a organizar os eventos pendentes. Ou seja, o momento ideal para apostar neste segmento.

A diversidade da oferta, que Mariana considera ser a maior lacuna no mercado, foi um dos aspetos mais relevantes no desenvolver da coleção. “Ir a um casamento e ter 20 vestidos iguais não é algo que nos interesse”, revela. A coleção que prima pela exclusividade sazonal, vai dos modelos mais discretos e cobertos às propostas que destacam partes do corpo como os ombros, por exemplo.

As peças distinguem-se pelos detalhes.

Desta forma, os clientes da marca podem encontrar vestidos curtos, midi, maxi e ainda um coordenado. A identidade das novas peças define-se nos detalhes, que surgem das formas mais diversas como as mangas estruturadas, as costas abertas e algumas transparências. Predominam os tons de azul e verde, mas também existem padrões florais, confecionados em diferentes tipos de tecidos.

Outra prioridade de Mariana foi perceber as especificidades de cada corpo. “Em conversa com algumas amigas durante o desenvolvimento do projeto, foquei-me na questão de que o meu tipo de corpo não é igual ao corpo de outras pessoas. Tentei criar modelos ecléticos e que favorecessem todos os tipos de silhuetas”. Neste momento, as peças estão disponíveis entre os tamanhos XS e L.

Produção nacional

É a própria Mariana que desenha e produz tudo dentro da gama dos acessórios, desde as peças em aço inoxidável às handmade. O mesmo acontece com o vestuário: “todo o design é meu, feito em Portugal e as matérias-primas também são portuguesas. Trabalho com uma confeção no norte do País e, não sendo uma fábrica, tenho um stock reduzido e vou produzindo consoante encomendas”.

Consciente do impacto que a indústria têxtil tem no ambiente, a preocupação passa também por minimizar o consumo. Para isso, produz da forma mais sustentável possível, com base no valor artesanal que poderá aportar a cada cliente. A expedição é realizada até 10 dias úteis após a compra.

Carregue na galeria para conhecer as peças que fazem parte da coleção “Let’s Celebrate”, disponível no site da Bontön. Os preços dos vestidos oscilam entre os 99,95€ e os 149,95€.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT