Lojas e marcas

Esta marca portuguesa faz os vestidos mais giros para usar em festas e casamentos

A Bavan foi criada por três amigas inseparáveis e obcecadas pelos melhores looks nas cerimónias.
Para ocasiões especiais.

Chama-se Bavan e foi criada pelas lisboetas Francisca Espírito Santo, 32 anos, Joana Barreiros, 34 anos, e Pilar Vasconcelos, 31 anos. As três vêm de áreas como a Sociologia, Psicologia e Cultura Visual. Em comum têm uma amizade desde que se lembram — e uma paixão por roupa, sobretudo por vestidos de festa. 

A Francisca e a Pilar são primas e a Joana é uma enorme amiga de infância. Estudaram todas juntas no liceu e têm o mesmo núcleo duro de amigas, desde então. “É este grupo de amigas que serviu de inspiração e dá o nome a cada um dos vestidos da Timeless Collection”, conta Joana Barreiros.

Juntas, desenharam os seus vestidos para as festas de 18 anos, e para irem aos casamentos de cada uma. “Até na própria criação dos nossos vestidos de noiva acabámos por contar com o apoio. Somos o género de amigas que vão passar um fim-de-semana fora, numa despedida de solteira, e vamos ver lojas de tecidos”, acrescenta.

A marca teria sido lançada em abril, se não fosse a pandemia do novo coronavírus. Os planos foram adiados e a Bavan foi oficialmente lançada no dia 30 de julho. Como é que surgiu a ideia?

“A partir de uma necessidade que sempre sentimos no momento de encontrar looks para ocasiões especiais, por isso acabávamos por mandar fazer os vestidos em costureiras ou comprávamos a lojas fora de Portugal, o que para nós não fazia sentido. Sempre levámos muito a sério os casamentos e os vestidos que íamos levar. São dias muito especiais e isso implica que o outfit seja sempre o melhor, mas não encontrávamos o que queríamos”, refere à NiT Pilar Vasconcelos.

As três criadoras vivem em Lisboa, no Porto e na Golegã, o que fez com que a marca fosse construída com muitos quilómetros de estrada feitos pelo meio. Além disso, todas frequentaram mini cursos online e workshops de costura e design de moda, até chegarem aos “modelos e tamanhos para corpos reais, e peças elegantes sempre com um toque atrevido e sexy”, e com uma vertente sustentável, explica-nos Francisca Espírito Santo.

A linha tem peças que vão dos 150€ aos 200€. Os artigos da marca 100 por cento portuguesa podem ser comprados na loja online, com portes a 5,50€ para Portugal Continetal, e 7€ para as Ilhas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT