Lojas e marcas

Esta marca portuguesa lançou uma coleção em homenagem a mulheres de todas as etnias

A nova linha da PorQueRaio está a ser um sucesso. O body com glitter Maria esgotou em menos de um mês.
Está tudo à venda no Instagram.

O projeto foi lançado em fevereiro de 2020 e a premissa de empoderamento feminino esteve presente desde o início. Chama-se PorQueRaio e o nome teve origem naquilo que consideram um símbolo de “energia, força e poder” — o raio de uma descarga elétrica, muito parecido com aquele que marca a testa de Harry Potter nos populares livros de J. K. Rowling.

No Instagram, onde conta com mais de 13 mil seguidores, é um daqueles casos de sucesso que caracterizam a indústria nos tempos que correm. A PorQueRaio vende exclusivamente através das redes sociais peças de roupa femininas, com muito power e muita cor.

“É muito difícil hoje em dia ser diferente e criar algo que ainda não haja no mercado e tenha sucesso”, explicam à NiT Inês Nogueira, de 19 anos, e Catarina d’Oliveira, de 22. As duas amigas são fascinadas por moda desde crianças, ainda que estejam a seguir formações académicas noutras áreas.

Inês prepara-se para começar o último ano de Comunicação Social na Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa. Já Catarina é licenciada em Gestão Hoteleira pela Universidade Europeia de Lisboa e entrou num mestrado em Gestão. 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por PorQueRaio ®️ (@por.que.raio)

No primeiro dia de agosto deste ano, lançaram uma linha chamada Etnia, que quer “enaltecer a beleza natural da mulher além-fronteiras”. É, ao todo, composta por cinco peças confecionadas 100 por cento em Portugal e desenhada pela dupla, com uma estética que alia o brilho à simplicidade para, dizem, poder “satisfazer todos os gostos”.

Entre os elementos principais, os famosos raios da PorQueRaio estão estampados em pequenos pormenores nos tecidos. A sweatshirt Mulan, em lilás, custa 33€, e a Mohini, em bege, custa 35€. A T-shirt branca Larysa está à venda por 23€, o mesmo preço que a alternativa em preto, a Zuri. Por fim, o body Maria, de 28€, tem um tecido fuchsia brilhante, custa 28€ e já está esgotado.

“Crescemos e, sobretudo, evoluímos”, contam Inês e Catarina sobre este primeiro ano de lançamento do projeto. Sobre a linha Etnia, acrescentam que é uma coleção cápsula e que os nomes das peças têm nomes de “raparigas da China, Índia, Ucrânia, África e Portugal. Todas as mulheres são bonitas e reluzem a sua maneira.”

Já a qualidade da confeção, garantem, foi aumentada a 100 por cento. As amigas continuam a supervisionar e a participar ativamente em algumas das tarefas ao longo do processo de produção das peças de roupa.

Num momento em que há mulheres a passar por situações de descriminação alarmantes, deixam uma mensagem de força e de solidariedade.

porqueraio
As fundadoras.

Quem manda nisto tudo?

Nomes: Inês Nogueira e Catarina d’Oliveira;
Idades: 19 e 22 anos;
Guilty pleasures: Inês: “Assistir a reality shows”; Catarina: “Jogar ‘The Sims’”;
Convençam-nos a conhecer a marca: “Se procuras artigos autênticos e irreverentes, a PorQueRaio é a tua marca. Não há limites para brilhares!”.

A seguir, carregue na galeria para conhecer as novas propostas da PorQueRaio.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT