Lojas e marcas

Mr. Wonderful: o fenómeno espanhol do otimismo e da boa onda é um êxito em Portugal

Este mês, a empresa inaugurou as suas duas primeiras lojas no nosso País. A NiT falou com a CEO, Patricia Cabal.
A marca foi criada há 10 anos em Barcelona, Espanha.

Oeiras e Chiado foram as duas localizações que a Mr. Wonderful escolheu para abrir as suas primeiras lojas em Portugal. A marca já estava presente em vários pontos de venda no nosso País, mas ocupou no passado sábado, 23 de outubro, dois espaços próprios — no Oeiras Parque e nos Armazéns do Chiado.

A linha gráfica das boutiques reflete o conceito de oásis, já conhecíamos de outras lojas internacionais da Mr. Wonderful. O azul do mar, o amarelo da areia e as palmeiras são alguns dos elementos decorativos principais a par com os balcões em formato de bar de praia. O objetivo é transportar os clientes para “um paraíso tropical”.

Os fãs da marca já sabem que as propostas coloridas de papelaria são carimbadas com mensagens positivas, através de uma comunicação descontraída. O projeto mais do que uma empresa, quer destacar-se como uma filosofia de vida. 

Com uma extensa rede de pontos de venda, a Mr. Wonderful está presente em toda a Espanha, bem como em vários países da Europa e América Latina. Chegou a Portugal em 2014 e inaugura agora as primeiras lojas que replicam a estratégia traçada no país vizinho — depois de consolidado o canal digital, os clientes portugueses passam a ter acesso a espaços exclusivos da marca.

Agendas, velas, álbuns de fotografias, canecas, canetas, decoração para a casa, brinquedos e brindes são algumas das propostas que vai encontrar por lá, mas a loja online continuará a funcionar — e inclui todo o catálogo da marca.

mr. wonderful
A loja da Mr. Wonderful no Oeiras Parque está situada no piso 0.

Como começou a Mr. Wonderful?

Em 2011 abriu um pequeno estúdio de design gráfico em Barcelona, Espanha, com o intuito de vender desenhos personalizados e acessíveis a todos. Começaram por fazer convites originais para casamentos, mas produzidos de forma a serem o mais exclusivos possível. 

“Pouco a pouco, fomos criando um estilo muito próprio e, graças à nossa forma de comunicar, construímos uma comunidade de seguidores que gostavam muito de tudo o que fazíamos”, conta à NiT Patricia Cabal, de 41 anos, CEO e diretora-geral da marca. É ela quem lidera toda a parte operacional e de negócio.

A empresa foi fundada por Ángela Cabal e o marido, Javir Aracil, — ambos permanecem à frente da área criativa da marca. “Graças à singularidade dos nossos desenhos, à frescura e transparência da comunicação, o que começou como um estúdio de desenho foi crescendo até conseguir posicionar-se como uma referência em criatividade e comunicação”, continua Patricia.

O fenómeno Mr. Wonderful levou a que a marca se transformasse numa mega empresa internacional de gifts alegres, que “transmitem sentimentos e se conectam às pessoas com mensagens cheias de otimismo”, refere Patrícia. “O nosso objetivo é refletir uma forma de entender a vida e a nossa forma de o fazer é através dos nossos produtos”, como aprofunda na entrevista que se segue.

Como avalia o crescimento da Mr. Wonderful em Portugal?
A nossa presença online foi um êxito desde o início, já que nos permitiu mostrar toda a variedade de produtos ao público português, demonstrando assim a nossa versatilidade como marca a nível de design e a capacidade de inovar ao nível dos produtos. No canal B2B, iniciámos a nossa atividade com a distribuição a grandes clientes — como a Fnac. Analisaram os resultados que tínhamos tido em Espanha e não hesitaram em apostar em nós, o que nos ajudou a ganhar visibilidade no País. Mais tarde, chegaram outros clientes que, a pouco a pouco, nos tornaram ajudaram a ser mais reconhecidos pelos portugueses.

De que forma a pandemia afetou a vossa marca?
Foi uma época dura. Focámo-nos muito em procurar uma forma de estar perto dos nossos seguidores e centrámos os nossos esforços na comunicação, em gerar entretenimento para os longos dias de confinamento, a acrescentar o nosso grãozinho de areia. Gerámos materiais descarregáveis para entreter os mais pequenos e ajudar a organizar cadeias de favores para os mais velhos.

Porquê abrir agora as duas primeiras lojas em Portugal?
Queríamos replicar a mesma estratégia que seguimos em Espanha. Quando já tínhamos afinado o modelo lá, começámos a nossa expansão aqui através da abertura de lojas próprias.

Como foi feita a escolha do Chiado e de Oeiras?
Queríamos começar por Lisboa e basear aí nossa a atividade inicial. Os Armazéns do Chiado são um centro comercial com um encanto especial, onde a marca sempre esteve presente através dos nossos grandes clientes [por exemplo, a Fnac]. Tínhamos o sonho de arrancar nessa localização específica, ainda que fosse com uma loja pequenina — fazermos parte da oferta deste shopping era importante para nós. Oeiras, por outro lado, vai permitir-nos trabalhar com um formato de loja maior e em contacto com um público mais local, permitindo um acesso mais direto à marca.

O que podemos encontrar nestes espaços?
Novidades e coleções principais, edições limitadas e colaborações especiais enchem as prateleiras das lojas. Encontrar o presente que os visitantes procuram é facílimo já que, num espaço reduzido, somos capazes de ter uma oferta ampla.

O Natal foi tido em consideração como um momento estratégico?
A nossa ideia inicial era abrir há mais tempo, mas nos primeiros meses do ano, com toda a atividade comercial parada por causa da Covid-19, não pudemos avançar. O projeto foi retomado em junho e, graças ao trabalho da grande equipa que temos, pudemos tornar estas aberturas uma realidade no mês de outubro.

Podemos esperar mais pontos de venda no nosso País?
Estamos a trabalhar num plano de expansão não só em Espanha, mas também em Portugal — onde a marca tem um nível de reconhecimento elevado e é muito querida e valorizada. O nosso objetivo é estar perto do maior número de portugueses possível. Ao Porto não tardaremos a chegar, mas, de momento, não podemos dar mais pistas.

Carregue na galeria para ver algumas imagens dos novos espaços da Mr. Wonderful no Oeiras Parque e nos Armazéns do Chiado (em Lisboa). 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT