Lojas e marcas

A nova coleção da New Balance celebra o orgulho LGBTI com as cores do arco-íris

Chama-se "Everybody's Welcome" e foi desenvolvida por Zoie Lam, artista visual de Hong Kong. Inclui peças de roupa e sapatilhas.

Desde 1969 que junho está marcado nos calendários como o mês da celebração dos direitos da comunidade LGBTI. Hoje em dia, embora já tenha conquistado vários direitos, a comunidade continua a lutar por uma maior e melhor integração na sociedade.

É por isso que todos os anos se celebra o mês Pride, um movimento mundial que pretende sensibilizar para o tema e mudar a mentalidade das pessoas. A esta celebração juntam-se centenas de marcas que aproveitam a data para lançarem coleções especiais com designs irreverentes e cores do arco-íris — um símbolo LGBTI. Mais uma vez, a New Balance não foi exceção. 

A marca americana anunciou recentemente a sua nova coleção Pride 2021, com o mote “Everybody’s Welcome”, que significa, em português, “todos são bem-vindos”. A linha inclui peças de calçado e roupa mas também uma curta-metragem dedicada à história da Front Runners New York Pride Run. 

Inspirada pela comunidade LGBTI de todo o mundo, esta nova coleção foi pensada e desenhada por Zoie Lam, uma artista visual de Hong Kong. Tanto as sapatilhas como as peças de roupa têm designs originais de Zoie, “que são emblemas da felicidade e otimismo”. As suas personagens não têm género e exemplificam a cordialidade e a empatia. O objetivo é, precisamente, destacar a crença da New Balance de que “todos são bem-vindos”, não importa como se identificam.

Além de T-shirts com grafismos, um calção, um casaco e uma camisola de cavas, a coleção é composta pelas sapatilhas Fresh Foam Tempo, o clássico 5740 e ainda umas sandálias. As peças são um verdadeiro arco-íris, com cores irreverentes, padrões arrojados e ilustrações muito divertidas. Todas já estão à venda no site da marca americana.

A curta-metragem da coleção

A peça protagonista da coleção Pride 2021 da New Balance é a curta-metragem criada em conjunto com o Clube Front Runners New York, que conta a história dos 40 anos do Front Runners Pride Run. O filme é dirigido por Rose Bush, diretora de fotografia da curta-metragem “Colette”, vencedora de um Óscar.

O filme Front Runners Pride Run destaca a história de Urie Dvorozniak, um universitário desempregado de Nova Iorque que anseia por uma comunidade que o aceite e que abrace a sua identidade, sem quaisquer julgamentos. O filme ilustra bem a importância de sermos capazes de ultrapassar os nossos obstáculos e evidencia a importância de construir a nossa autoconfiança, independentemente da nossa diferença. 

Além disso, pelo terceiro ano consecutivo, a New Balance apoia a GLSEN, uma organização com sede nos Estados Unidos focada em defender as questões LGBTI+ e em criar ambientes escolares mais seguros para jovens e alunos LGBTI+ do ensino básico até ao secundário.

A New Balance comprometeu-se em doar cerca de 83 mil euros (100 mil dólares) ao longo de dois anos para apoiar diretamente o programa “Changing the Game” da GLSEN, que está a ser redesenhado e relançado para criar espaços seguros em vestiários. Além da doação, a New Balance usará a sua plataforma mundial para ajudar na missão da GLSEN e dar visibilidade aos seus vários projetos.

“Como uma marca global que enfatiza a importância da diversidade e inclusão, a New Balance tem o orgulho de celebrar a comunidade LGBTI+ em todo o mundo e facilitar a participação no atletismo. Defendemos a igualdade no acesso ao desporto para todos”, explica Jeff McAdams, VP de Global Marketing.

De seguida, carregue na galeria para conhecer algumas das peças da coleção Pride 2021 da New Balance.

Este artigo foi escrito em parceria com a New Balance.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT