Lojas e marcas

Pandemeia: a marca de meias que foi um sucesso na pandemia tem uma nova coleção

A marca portuguesa, sempre atenta à atualidade, apostou recentemente em pares de meias que combinam com o recente regresso às aulas.
As meias "Fuck Covid" são das mais emblemáticas.

Começou por ser uma ideia “parva”. Pelo menos é assim que a descrevem Bruno Silva, João Meireles e Diogo Pereira, os três amigos que com o objetivo de tornar produtivo o tempo que estiveram fechados em casa durante o primeiro confinamento se juntaram com um objetivo muito particular: o de fazer nascer a “Pandemeia”. Um projeto que pretendia ajudar a combater a pandemia através de mensagens de força estampadas numa peça que a grande maioria das pessoas usa diariamente: as meias.

“Não podíamos simplesmente ficar indiferentes à situação. Tínhamos de fazer alguma coisa. Foi então que surgiu a ideia e a partir daí idealizamos todo o conceito. Quanto ao nome da marca tornou-se quase óbvio: unir o momento inédito e sensível pelo qual todos estávamos a passar ao produto principal da nossa marca — as meias — e assim nasceu a “Pandemeia”, começou por esclarecer à NiT Bruno Silva.

Da primeira coleção, inspirada em temas relacionados com a pandemia, saíram os grandes best-sellers, até ao momento, da marca. Falamos-lhe de pares de meias com frases como “Stay Home“, “Quarantine“, “Fuck Covid” e “Corona Sucks” e modelos com as cores do arco-íris a simbolizar uma das frases que marcou 2021: “vai ficar tudo bem”.

“Todos os nossos modelos foram desenhados por nós. Juntamo-nos e vamos debatendo ideias até chegar ao produto final, o que muito vezes é difícil porque, por vezes, temos opiniões distintas. Atualmente temos cerca de 20 modelos, no entanto estamos a idealizar protótipos novos”, adiantou ainda o jovem fundador da marca portuguesa.

A boa notícia é que a nova coleção já está à venda online e pronta para saltar diretamente das prateleiras digitais da “Pandemeia” para os seus pés. Desta vez, novamente a moldar-se aos temas da atualidade, as peças foram inspiradas no regresso às aulas.

Como a grande maioria das propostas da marca, a aposta recai sobre meias desportivas e super macias que idealmente saem da gaveta do armário para dar um toque especial (e mais atrevido) a estilos mais desportivos ou descontraídos do dia a dia.

“O facto de sermos únicos e pioneiros em Portugal na criação de meias desportivas, com frases, cor, fez com que as pessoas vissem na nossa marca algo diferente. Acredito também que quando os clientes recebem as nossas encomendas conseguimos “roubar” um sorriso com os nossos bilhetes adequados ao momento que vivemos”, explicou Bruno Silva em conversa com a NiT.

Começou quase como uma miragem, mas rapidamente se tornou num passa palavra positivo e esperançoso. Hoje, o projeto está a crescer a par e passo e promete não quebrar o ritmo, continuando a desenvolver com regularidade novas coleções. Por exemplo, já se sabe que, em paralelo com esta nova coleção que celebra o retorno à escola, já está a ser pensada (e desenhada) a coleção de Natal.

Todos os produtos podem ser adquiridos na loja online da “Pandemeia” ou através das contas das redes sociais do Instagram e do Facebook

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT