Lojas e marcas

The Craft: nova marca de Bruna Corby com “joias que se transformam em obras de arte”

A ideia do negócio surgiu durante o casamento da influencer. As peças adaptam-se a várias ocasiões sem perderem a identidade.
As coleções são inspiradas em artistas.

Em setembro do ano passado, as redes sociais eram invadidas por fotografias do casamento de Bruna Corby com Yannick Gross. A criadora de conteúdos de 29 anos deslumbrou ao aparecer no hotel L’and Vineyards, onde aconteceu a cerimónia, com um vestido tradicional de Jesus Peiró. No entanto, entre tantas decisões, o dilema das lembranças para os convidados acabou por despertar em Bruna uma nova paixão.

“Queria muito oferecer uma recordação que não fosse logo para o lixo e que pudessem usar depois. Algo que os lembrasse daquele momento”, começa por contar à NiT. Na altura, juntou-se a um joalheiro, Tiago Baião, para criar um colar e uma pulseira com as coordenadas do local onde trocaram os votos.

O feedback positivo dos convidados levou o criativo aveirense a lançar-lhe um desafio: criar uma coleção-cápsula de acessórios. Como se preparava para passar cinco meses em viagem, a empresária sentiu que não era o melhor momento para avançar. Ainda assim, a ideia ficou.

A The Craft, lançada no dia 11 de novembro, é a nova marca de Bruna Corby dedicada a “joias que se transformam em obras de arte”. Entre brincos, colares e anéis, todas as peças são feitas em prata 925 com banho de ouro 19,2 quilates. As propostas seguem uma “linha mais moderna”, mas com um toque ousado.

Este não é o primeiro negócio da influencer, que tem cerca de 160 mil pessoas atentas às novidades que partilha na página de Instagram. Apesar de se ter formado em Direito, e ter uma carreira na área jurídica, a moda sempre esteve muito presente na sua vida. O seu estilo descomplicado, mas elegante, tornou-a num dos rostos mais conhecidos do lifestyle nacional.

“Quando saí do escritório e decidi fazer uma pausa na carreira, dediquei-me a tempo inteiro às redes sociais. Antes de sair, já sabia que queria criar um negócio”, começa por contar à NiT. Na altura, devido ao seu fascínio por fatos, surgiu então a marca de alfaiataria Brunet, em março de 2022.

O lançamento da The Craft é, por isso, uma forma de complementar a oferta do projeto anterior. À semelhança das propostas de alfaiataria, que podem ser usadas “hoje ou daqui a 30 anos”, o objetivo é que também as joias vão resistindo ao teste do tempo, mantendo-se no armário das clientes e adaptando-se a várias ocasiões.

Uma das imagens da campanha.

“Quando começámos com a ideia da coleção, sabia que seria inspirada naquilo que gosto e uso. São peças marcantes, que não se veem em qualquer lado. São diferentes e com alguma identidade”, acrescenta.

Todas as coleções vão ser inspiradas em artistas, sejam nomes clássicos ou do nosso tempo. A primeira, intitulada Studio, faz uma alusão a vários quadros do pintor francês Claude Monet, e na forma como representava a fauna e a flora através do impressionismo. A referência acontece não só através do nome das propostas, mas também do verde que surge em pequenas pedras, por exemplo.

Ao mesmo tempo, Corby colaborou com a artista portuguesa Sara Boia, de 24 anos. “Convidei-a para fazer parte da nossa campanha em que, enquanto gravávamos o vídeo, ela pintava um quadro”, explica. Entretanto, decidiram divulgar o seu trabalho, colocando a obra que a jovem idealizou à venda no site da marca.

“Neste momento, tenho trabalho suficiente com duas marcas. Considero-me louca”, conclui. Por agora, o plano passa por trazer uma experiência física aos clientes de ambos os projetos. A primeira vai acontecer no mercado da Stylista, no final de novembro, seguindo-se outros mercados dedicados a marcas nacionais.

Todas as peças da The Craft estão disponíveis no site da marca, com preços entre os 59€ e os 109€, enquanto o quadro de Sara Boia custa 250€. Carregue na galeria para conhecer as propostas.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT