Moda

5 dicas (preciosas) para apostar no corte oversized sem parecer que roubou o blazer

É uma das peças fundamentais para o outono, mas nem todas sabem como usá-la. Preste atenção ao tamanho e aos acessórios.
Está na hora de arriscar.

A responsabilidade pela entrada do blazer de corte masculino no vestuário feminino, nos anos 60, pode ser atribuída a Yves Saint Laurent. Contudo, a moda só pegou verdadeiramente duas décadas depois, graças ao filme “Uma Mulher de Sucesso” (1988) e aos figurinos usados por Melanie Griffith. A atriz interpretava uma mulher cheia de ambições no local de trabalho e o seu armário refletia isso.

Porém, acredita-se que a origem da peça remonte ao final do século XIX, onde era usado pelos jogadores de críquete no Reino Unido. Existe ainda quem afirme que o blazer foi popularizado em 1837, após o capitão do navio HMS Blazer pedir a todos os seus funcionários que vestissem uma daquelas propostas, para receberem a Rainha Vitória de Inglaterra na embarcação.

Ao longo do tempo tem sido alvo de várias reinterpretações. Existem versões para todos os gostos, com cores mais ou menos garridas, curtos ou compridos. Porém, as que mais se têm destacado entre as tendências para a estação fria de 2023 são as propostas oversized — que têm substituído os cortes justos.

Usar roupas XL até pode ser mais divertido, mas surgem sempre várias questões. Um dos dilemas que assombra as mulheres, sobretudo as mais baixinhas, é como ficar bem com estes modelos. Ao contrário do que muita gente acredita, a tendência não está reservada às pessoas mais altas e os tipos de corpo mais curvilíneos não ficam de fora.

Escolha o modelo certo

Muitas mulheres tentam aderir à tendência escolhendo um blazer regular, mas dois tamanhos acima. Porém, a designação oversized não se refere à dimensão da peça em si, mas à modelagem. Ou seja, deve escolher o modelo correto no número que veste.

Se optar por usar um agasalho masculino, irá acabar por ser engolida por um ajuste de ombros e mangas pouco lisonjeiro, que fará parecer maior do que realmente é.

Aposte em fatos completos

Quanto mais masculino, melhor. Um dos itens mais icónicos do estilo oversize é o casaco de fato e a combinação mais simples (mas eficaz) é com uma parte de baixo de alfaiataria a combinar. Pode ser uma saia, mas se optar por vestir umas pantalonas irá equilibrar ainda mais as proporções.

Deve certificar-se de que as calças são de cintura subida e que a bainha não arrasta pelo chão. Por fim, pode usar uma peça interior mais justa, como um top de malha, para criar algum contraste.

Os blazers-vestido

Compridos e super práticos, podem ser usados abertos ou totalmente abotoados, assumindo-o mesmo com um vestido. Quem olha para trás, fica com a ideia de que estamos a usar só o casaco. Para criar esse efeito, deve optar por uma minissaia ou uns calções mais curtos e uma blusa.

Marque a cintura

Se tiver receio de desaparecer devido ao volume do casaco, tudo o que precisa de fazer é definir a sua forma. Pode, por exemplo, suavizar as camadas ao marcar a cintura com um bom cinto. O objetivo é definir a sua figura verdadeira para não dar origem a perceções erradas sobre ela.

Use acessórios XXL

Uma carteira, óculos de sol ou até um lenço podem fazer parte desta tendência. Um truque é usar uma peça de roupa de grandes dimensões com um único acessório, para que a atenção não se vire apenas para o vestuário. Bons complementos vão ajudar a criar um conjunto mais moderno.

Agora que já sabe quais são as combinações mais lisonjeiras, a NiT reuniu algumas das propostas mais giras no mercado para sobreviver. Carregue na galeria para descobrir os modelos de várias marcas a partir dos 25,99€.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT