Moda

Afinal parece que Kim Kardashian não cabia no vestido de Marilyn e os danos estão à vista

A peça apresenta agora rasgões e algumas lantejoulas e cristais em falta. "Valeu a pena?", pergunta colecionador.
A opção causou polémica.

A 2 de maio Kim Kardashian tornou-se num dos tópicos mais falados da Internet. Foi apenas mais uma das muitas outras vezes que a celebridade deu que falar, mas desta vez, o seu nome esteve quase sempre acompanhado pelo de Marilyn Monroe.

Kim Kardashian apareceu na última edição da Met Gala a envergar um dos vestidos mais icónicos da atriz. Nada mais nada menos que o modelo que Marilyn Monroe usou no 45.º aniversário do presidente John F. Kennedy.

Esta segunda-feira, 13 de junho, foram divulgadas novas imagens que mostram a peça histórica danificada. Foram partilhadas por Scott Fortner, um colecionador que possui dezenas de artigos relacionados com Marilyn Monroe.

O vestido criada por Bob Mackie especialmente para a atriz aparenta estar estragado em várias zonas. Apresenta agora alguns rasgões na parte de trás, bem como algumas lantejoulas e cristais em falta. “Valeu a pena?”, perguntou Fortner numa publicação do Instagram.

A peça em questão foi usada pela atriz num espetáculo em que cantou os parabéns ao antigo presidente dos Estados Unido, John F. Kennedy, em 1962. O vestido entrou para história por destacar a sensualidade de Marilyn Monroe numa altura em que corriam rumores de que ambos mantinham uma relação extra-conjugal — o look deu ainda mais força aos boatos.

Kim Kardashian foi muito criticada pela forma como escolheu apresentar-se no famoso evento de caridade. A socialite e empresária admitiu que perdeu cerca de oito quilos para caber dentro do vestido, mas parece que o esforço não foi o suficiente para deixar a peça histórica intacta.

Carregue na galeria e descubra outros dos extravagantes looks usados na Met Gala deste ano.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT