Moda

Esta miúda já era o novo grande fenómeno do ténis — agora é um ícone da moda

Depois de vencer o Open dos Estados Unidos, Emma Raducanu tornou-se embaixadora da Dior — e ainda ganhou milhões de seguidores no Instagram.
Aos 18 anos, Emma venceu o US Open.

A Dior tem uma nova embaixadora global e, desta vez, não se trata de uma modelo famosa ou estrela de Hollywood. Emma Raducanu, a miúda de 18 anos que venceu o Open dos Estados Unidos em 2021, é a nova cara da maison francesa. A notícia foi avançada a 19 de outubro e recebida com surpresa pela imprensa especializada.

Segundo a etiqueta, a atleta já “abanou os códigos com o seu estilo único de jogo, personalidade multicultural, autenticidade e carreira extraordinária.”

Tal como Jung Ho-yeon — a atriz de “Squid Game” cuja popularidade nas redes sociais explodiu depois da estreia da série — a conta de Instagram de Raducanu viu o número de seguidores aumentar mais de quatro vezes após vencer o torneio. O número passou de 400 mil para cerca de 2,1 milhões. 

Como começou Emma Raducanu?

Chegou ao torneio de Wimbledon, o maior palco do ténis mundial em junho deste ano, dois meses depois de completar os exames nacionais do ensino secundário. Era a número 338 do ranking mundial feminino. Apesar de lhe reconhecerem talento e potencial, ninguém esperaria que a jovem britânica de origem chinesa e romena fizesse o que fez.

Quando viajou para os Estados Unidos rumo ao Open, reservou imediatamente a viagem de regresso para o final da fase de qualificação. Sonhava poder ir mais longe, mas acreditava que seria pouco provável. Ela e a maioria dos seguidores da modalidade.

emma raducanu
A sessão fotográfica para a “Vogue”.

A verdade surpreendente foi que, feitas as contas, a tenista completou 10 vitórias consecutivas sem perder um único set. Na final encontrou outra jovem, Leylah Fernandez, canadiana de 19 anos, que também não teve força para resistir a Raducanu, a vencedora do torneio.

Nascida em Toronto, no Canadá, filha de pai romeno e mãe chinesa, mudou-se com a família para Inglaterra com apenas dois anos. Foi no Reino Unido que começou a jogar ténis com apenas cinco anos, embora não fosse certo que seria esse o seu desporto de eleição, mais de uma década depois.

Os sorrisos após cada ponto, a alegria com que respondia a cada jogada, a cada grito das bancadas, tornaram-na numa imediata favorita do público. Também a imprensa tomou nota: rapidamente foi convidada para uma maravilhosa sessão fotográfica para a “Vogue”. Estavam abertas as portas para se lançar também no mundo da moda. Leia a história completa da atleta no artigo da NiT.

A seguir, carregue na galeria para conhecer também algumas peças de Paula Bobone que estão a leilão na Casal Moncada Leilões.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT