Moda

Gucci lança vestido de homem que custa 1900 euros para combater os estereótipos

A peça é inspirada na moda grunge dos anos 90 e tornou-se na maior estrela da nova coleção da marca italiana.
É um look diferente do habitual.

Todos os anos há peças de roupa que se destacam nas coleções. Podem ser uma proposta mais arriscada, ter um preço extravagante ou um estilo super original. Desta vez, o prémio vai para Alessandro Michele, designer da Gucci desde 2015, e que inventou um vestido para combater os estereótipos.

A secção dos homens da coleção Outono/Inverno 2020 está cheia de camisas compridas que parecem vestidos, mas há uma peça que se tornou rapidamente viral. Esta “camisa longa” pode ser usada por cima de umas calças como peça única. É feita de algodão, em tons de laranja, e custa 1900 euros. 

O vestido é inspirado no look grunge dos anos 90. “Com estilo sobre umas calças de ganga rasgadas, esta camisa em tartan em cores delicadas, refletindo a ideia de fluidez explorada no desfile de moda , pode ler-se na apresentação da peça no site da Gucci.

No ano passado, a marca enfrentou um escândalo por causa de uma camisola que lembrava a blackface, tendo sido acusada de racismo. No seguimento da polémica, a Gucci lançou uma iniciativa para promover a diversidade racial dentro da própria empresa e da indústria da moda, criando o cargo de diretora global da diversidade e inclusão. 

Aproveite também para conhecer 10 vestidos tendência da Zara que são ideias para as mulheres baixas nesta época.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT